Conteúdo ANDA

Greenpeace ignora os direitos animais e apoia a indústria de peles de foca

Redação ANDA – Agência de Notícias de Direitos Animais

Sea Shepherd luta para manter bebês foca a salvo
Sea Shepherd luta para manter bebês foca a salvo

Em uma matéria para o canal MSNBC, Jon Burgwald, representante do Greenpeace no Ártico, falou que a organização apoia roupas feitas com pele de foca “eco-friendly”, supostamente “sustentáveis”.

O capitão Paul Watson, fundador do Sea Shepherd, se posicionou esta semana contra a declaração. “O Greenpeace passou dos limites ao endossar a indústria de peles de foca”, disse ele nas redes sociais.

FAÇA PARTE DO #DiaDeDoarAgora EM 5 DE MAIO

Para os ativistas de direitos animais, uma suposta indústria de pele de foca “sustentável” é inconcebível, cruel e enganadora. “As focas estão ameaçadas pela rápida diminuição das populações de peixes e pela poluição. Nosso oceano está morrendo e o Greenpeace parece neģar esta realidade”, disse Watson.

“Como co-fundador do Greenpeace, sinto-me enojado e traído por esta nova política do Greenpeace”, ressaltou o capitão.

O ativista falou ainda da época em que fazia parte do Greenpeace e lutava contra a indústria de peles na década de 1970. “Nós arriscamos nossas vidas para salvar as focas dos caçadores.”

O Greenpeace afirmou que é contra a matança de focas por grandes empresas de caça para o lucro, mas a favor da matança por povos indígenas, que dependem da caça para o seu sustento. Na matéria da MSNBC, no entanto, é evidenciada a venda de casacos de pele de foca como um artigo de luxo, não de subsistência.

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

No vídeo, a representante do Conselho de Ministérios Nórdicos, Nauja Bianco descreve o seu colete de pele de foca com um produto “sustentável” da Groelândia. Ela afirma que a compaixão por focas é “antiquado”, coisa dos anos setenta, e que focas bebês não são mais mortas. Entretanto, como lembra o capitão Paul Watson, 90% das focas mortas tem menos de três meses de idade.

Na entrevista, Nauja chega a afirmar que é “ok” usar peles e é um produto sustentável “legítimo” e até mesmo sugere (com uma risada) que as focas se voluntariam para serem mortas. Em seguida, o repórter entrevista o representante do Greenpeace que afirma que a organização pretende promover produtos “sustentáveis” derivados de foca.

Não é a primeira vez que o Greenpeace se omite ou vai na contramão dos direitos animais. A organização não se opõe à caça de animais, além de já ter justificado a matança de golfinhos no Japão. O Greenpeace também chegou a apoiar a caça de ursos polares no Alasca. Como lembra o diretor Kip Andersen no documentário Cowspiracy, o Greenpeace também não foca nos impactos ambientais do consumo de carne. De forma geral, a organização mantém uma postura omissa ou exploratória em relação aos direitos animais.

*É permitida a reprodução total ou parcial desta matéria desde que citada a fonte ANDA – Agência de Notícias de Direitos Animais com o link. Assim você valoriza o trabalho da equipe ANDA formada por jornalistas e profissionais de diversas áreas engajados na causa animal e contribui para um mundo melhor e mais justo.

1 COMENTÁRIO

  1. Pois é, infelizmente a podridão e a corrupção está em todos os lugares. Aqueles que deveriam proteger se rendem ao dinheiro.
    Ainda mais uma organização que cresceu e se tornou do tamanho que é o greenpeace.
    O pior é que é bem capaz de eles se justificarem ressaltando que o nome da organização é paz verde.
    O que não for verde, para eles não interessa, pode matar, explorar que não tem problema.
    Se tornou uma ong política. Totalmente fachada suas campanhas. No fundo protegem seus próprios interesses.
    É muito triste ver o capitão do Sea Shepard preso a essa instituição que ele ajudou fundar e se desviou totalmente do objetivo inicial. Infelizmente ele está sozinho nesse ninho de cobras que se tornou o greenpeace.

    • Apenas uma observação… Paul Watson ao fundar a Sea Shepherd, se desligou completamente do Greenpeace, ou seja, ele não está sozinho no ninho de cobras, porque não tem mais nenhum vínculo, a não ser histórico, com o Greenpeace! Outros ativistas seguiram seu exemplo e, ou foram para o Sea ou apenas de desvincularam…

  2. Matar bebes focas p/ exibirem casacos de peles
    O planeta infelizmente tá repleto de pragas humanas.
    Pobres inocentes que mal acabam de nascer e são mortos p/ futilidade humana.

  3. A Greenpeace há muito deixou de ser uma ong respeitável. Hoje eles são apenas uma máquina de fazer dinheiro com contribuições dos incautos ou de gente que quer “parecer” preocupada com os outros. A Greenpeace perdeu a conexão com a realidade e as evidencias. Sem veganismo não há ambientalismo. ABAIXO A GREENPEACE.

  4. Sem contar que aqui no Brasil a campanha pelo desmatamento zero é contra o gado. Da forma que falam até parece que toda culpa do aquecimento global é do gado e não daqueles que mantem gado de corte. Colocam fotos de bois e vacas como vilões. As frases que usam são todas ofensivas aos animais que nao querem ser criados para serem comidos . Os direitos deles são esquecidos. Para o Green peace eles são apenas o problema. Já falei isso para eles por e-mail. Não me responderam.

  5. EU JÁ APOIEI O “Greenpeace”, MAS AGORA COM ESSAS DENÚNCIAS NUNCA MAIS QUERO SABER DESSA RALÉ QUE ESTÁ JUNTO COM GRANDES EMPRESAS NESSA MATANÇA INDISCRIMINADA DESSES BEBÊS FOCAS PARA FAZER MEROS E INSIGNIFICANTES CASACOS DE PELES PARA ENFEITAR MULHERES SEM ESCRÚPULOS E SEM NOÇÃO DO QUE ESTÃO FAZENDO COM ESSES ANIMAIZINHOS INDEFESOS, DEVEM ESTAR GANHANDO UM BOM DINHEIRO DE PATROCINADORES INESCRUPULOSOS QUE QUEREM OS LUCROS DESSES CRIMES HEDIONDOS.”Greenpeace” NUNCA MAIS, A PARTIR DE AGORA SOU UM COMBATENTE DESSA ESCÓRIA QUE INFELIZMENTE JÁ APOIEI.

  6. eles não vão responder porque estão errados! vem publicar que querem cuidar do desmatamento e um monte de coisa e me fazem isso? gente aonde as pessoas vão parar! o que um ser humano vai fazer com uma roupa de foca? porque que não incentivam com materiais reutilizáveis como garrafas pets etc isso sim é preservar e não animais eles são indefesos!

  7. EU NÃO SABIA DISSO.DAQUI PARA DIANTE, O GREENPEACE SERÁ CONSIDERADO INIMIGO ASSIM COMO A WWF QUE TAMBÉM É FAVORÁVEL Á MATANÇA DE ELEFANTES POR CAÇADORES !! INIMIGOS GREENPEACE MALDITO !!!!

  8. A posição da Greenpeace em relação aos direitos dos animais é tão absurda e descabida como a posição dos defensores dos animais em relação ao petróleo e à poluição.

    Quanto tempo mais até perceberam que animais não vivem sem ambiente e que o ambiente precisa dos animais para ser equilibrado e diversificado?

    Nesta matéria nenhum dos lados tem razão, e ambos tem falhas a corrigir.

    Ambiente, sua fauna e flora são um todo e nenhuma das partes pode ser defendida isoladamente.

    Defesa do ambiente e defesa da dignidade dos animais são duas faces da mesma moeda.

    • desculpa mas discordo de você, defensores de animais que defendem todas as espécies não só cães e gatos tem sim noção da necessidade de um preservar e manter equilibrado o meio ambiente, dele dependem todas as espécies, inclusive as domesticadas e a humana…

    • Obrigada por indicar o link
      O posicionamento do Greenpeace é coerente com os objetivos da organização
      O Greenpeace não é uma organização de Proteção Animal
      O Greenpeace trata da questão ambiental incluindo os humanos e animais, considerando q ambos depende do seu habitat para sobreviver

  9. O que é isso Greenpeace? O dinheiro subiu à cabeça? Que absurdo transformar uma ONG na qual tínhamos orgulho, nesse lixo. É inaceitável uma entidade que já fez tantas coisas boas, hoje apoiar atitudes cruéis e monstruosas como estas. Apoiar matança de animais para uso da pele, alegando que é sustentável. Voces achariam bom matar seus familiares para retirar a pele e dizer que é sustentável? Por acaso, ser sustentável alivia o sofrimento destes pobres seres? Estou indignada. Infelizmente, pessoas se corrompem pelo dinheiro, sem a menor compaixão por quem vai sofrer nessa história.

  10. Não é a primeira vez que vejo o Greenpeace dessa maneira.
    Anos atrás percebi que ficaram comerciais de mais só querendo angariar fundos. Acredito que ainda tem pessoas que se dedicam achando que eles protegem o meio-ambiente incondicionalmente, mas já dá para ver que não é verdade.

    Lembro de que quando o navio deles “Rainbow Warrior” foi ao porto de Santos anos atrás, indaguei sobre as pessoas construirem casas ilegalmente em área de manaciais e de proteção ambiental e se o Greenpeace faria alguma campanha ou se posicionaria sobre o assunto.
    Recebi um silêncio desconcertante como resposta.

    Esse é o Greenpeace.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui