Conteúdo anda

Elefante vive presa e sozinha em zoológico há 61 anos

Redação Anda – Agência de Notícias de Direitos Animais

Foto: Flickr/uniunitwins
Foto: Flickr/uniunitwins

A elefante Hanako vive em uma cela de concreto há 61 anos. E só agora as pessoas estão dizendo que esse período já foi o suficiente. As informações são do The Dodo.

Aos 68 anos de idade, Hanako é o elefante mais velho do Japão. Ela passou as últimas seis décadas no zoológico Inokashira Park Zoo, em Tóquio, onde viveu sozinha em um gabinete estéril. Não há gramado ou árvores – apenas chão e paredes de concreto. Não se sabe qual foi a última vez que ela sequer viu um outro elefante.

Um visitante recente descreveu o local como “um dos zoológicos mais arcaicos e cruéis do mundo moderno”.

“Totalmente só em um gabinete pequeno e frio, sem receber absolutamente nenhum conforto e estímulo, ela simplesmente permanece lá praticamente morta – como uma estatueta”, escreveu Ulara Nakagawa.

Um vídeo de 2013 mostra a elefante balançando para frente e para trás enquanto ela brinca com um pedaço de tecido, um dos únicos objetos disponíveis em sua pequena clausura.

De acordo com o Japan Times, Hanako nasceu na Tailândia em 1947 e foi transportada para o zoológico Ueno, no Japão, aos dois anos de idade. Ela foi para lá para substituir os elefantes anteriores, que foram privados de comida até morrerem de fome por ordem do governo de Tókio. Poucos anos depois, ela foi transferida para Inokashira, onde vive desde então.

Ela perdeu a maior parte de seus dentes há décadas atrás, e atualmente sofre de problemas digestivos.

Foto: Flickr/Yu Morita
Foto: Flickr/Yu Morita

Como resultado de sua longa vida de maus tratos, Hanako desenvolveu uma tendência à agressividade. Ela pisoteou um homem que entrou em seu gabinete em 1956, segundo o Japan Times e, posteriormente, fez o mesmo com um  funcionário do zoológico. Depois disso, foi mantida acorrentada por muitos anos.

“E com o aumento da idade, ela se tornou mais temperamental”, declarou o jornal.

Em uma reportagem de 2011 do jornal nacional Asahi Shimbun, foi dito que Hanako derrubou um tratador, atacou um veterinário e perseguiu um funcionário nos cinco anos anteriores.

Foto: Flickr/uniunitwins
Foto: Flickr/uniunitwins

Mikio Murofushi, chefe do time de cuidadores de Hanako, disse na ocasião que ela tinha certeza de que a agressão da elefante não foi acidental. “Um puro acidente é impossível no caso de um elefante”, afirmou Murofushi. “Um elefante é extremamente inteligente e age cognitivamente”.

Mas, apesar dessa inteligência declarada, Hanako ainda permanece trancada em sua pequena cela de concreto.

Foto: Flickr/uniunitwins
Foto: Flickr/uniunitwins

No entanto, agora o público está finalmente se manifestando. Uma petição clamando pela libertação de Hanako para um santuário vem conseguindo milhares de apoiadores, reivindicando que a elefante idosa receba atenção médica, acesso a um lago e – depois de tantos anos – a possibilidade de interagir com outros de sua espécie.

Apesar de Hanako estar adentrando agora em seus anos derradeiros, pessoas de todo o mundo estão esperançosas de que ela possa finalmente encontrar paz. Mas, uma vez que poucos santuários de elefantes têm conexão com o Japão, é incerto de que parte virá a ajuda.

Foto: Flickr/uniunitwins
Foto: Flickr/uniunitwins

“Espero que em algum lugar fora daqui haja justiça para Hanako e outros elefantes cativos que são mantidos nessas condições horrendas e inaceitáveis”, escreveu Nakagawa.

Assine a petição.

*É permitida a reprodução total ou parcial desta matéria desde que citada a fonte ANDA – Agência de Notícias de Direitos Animais com o link. Assim você valoriza o trabalho da equipe ANDA formada por jornalistas e profissionais de diversas áreas engajados na causa animal e contribui para um mundo melhor e mais justo.

1 COMENTÁRIO

  1. Por mais que tentem, zoológicos e afins, afirmarem que animais ali estão e são tratados com todo zelo, essa situação de confinar animais para voyeurismo precisa findar.
    Beira ao doentio aprisionar um ser vivo por 61 anos para que seja apreciado.
    Triste, vergonhoso, medonho e sem sentido algum.

  2. Se não conseguiram isso em sessenta e um anos não creio que consigam liberta-la antes que morra, mesmo porque mentalmente enferma como parece estar, não vai distinguir árvores de paredes e mudar sua casa de concreto para uma casa na floresta, é trocar o seis por meia dúzia, pobre Hanako, sua alma já foi embora há muito tempo porque não suportou habitar o “resto” de você que insanos humanos ainda “conservam” como troféus à crueldade. Em casos assim a morte liberta antes porque não depende de burocracia, petições ou documentos para quebrar algemas e carrega-la no colo, como se leva um bebê para o seu Berço Verde de onde jamais devera ter saído. Hanako já morreu mas só perceberam agora.

    • Sandra,os animais possuem o instinto que lhes é nato,pode haver um bloqueio por parte dela inicialmente,mas ela merece a chance de ser livre e se readaptar ao habitat natural.Se nós,que somos miseráveis temos oportunidades todos os dias,quanto mais um animal que viveu sua vida presa numa selva de pedra.

  3. O Japao e um dos paises que dizem do primeiro mundo, mas que em relacao ao direito do animais e um dos mais crueis. este e so mais um caso entre muitas atrocidades aceitas, como matar milhares de golfimhos (the cove), baleias entre outros crimes ambientais. Boycott ao Japao!

  4. Sabe eu sou um ano mais nova do que esta elefanta, eu não entendo para que fazer zoologico, para que prender os animais se Deus os fez livres a unica vez que Deus os prendeu foi no diluvio, os seres humanos que devia fazer zoologicos para viverem dentro só assim deixariam um pouco de tanta violência. Fala sério viu.

  5. Porque o que sucede aos filhos dos homens sucede aos animais; o mesmo lhes sucede; como morre um, assim morre o outro, todos tem o mesmo folego de vida nenhuma vantagem tem o homem sobre os animais.O homem terá que encarar a Deus no juízo. Esta escrito, e aquele que não concorda vai discutir com DEUS, Por isso que eu sou totalmente EUA

  6. dizem a Eletante tornou-se agressiva e temperamental…. coloque um desses japoneses do Zoo em um quarto fechado sem cama, cadeira ou qualquer coisa que traga um pouco de conforto e alguma coisa que ele possa distrair-se, e deixe ele preso aí por 30 dias sem comunicação com ninguém ( não estou falando em 61 anos) quero ver no se transforma esse ser que se diz humano….. O QUE SE ESPERAVA DE UM ANIMAL QUE NASCEU PRA VIVER “””LIVRE E EM FAMILIA””” E QUE O SER QUE SE DIZ HUMANO O CONDENA A SOLIDAO E ISOLAMENTO…..muito triste fazer parte desta raça que se diz HUMANA.

  7. Nao entendo como um animal pode estar tanto tempo preso nestas condições miseráveis e vergonhosas!isolada e a viver em completa solidão sem nada,sem o contacto com outros elefantes que como se sabe os elefantes tal como os humanos vivem em comunidade.
    Ps.nao entendo como num comentário sobre elefante se fala tanto de “Deus”impressionante,sera que os brasileiros estão assim tao fanáticos e virados para religião?nao evoluíram?felizmente os europeus já evoluíram nesse aspecto,espero o mesmo dos brasileiros

    • Sabe, colega, felizmente você é minoria no planeta porque até mesmo o selvagem sem a instrução de um curso universitário crê, por intuição, em um Ser superior que cultua e venera da forma primitiva que conhece mas o fato de você encontrar Deus em um comentário sobre elefante é porque Ele está em tudo mesmo, sabe, pena não lhe tenham ensinado isso quando você era pequenino e poderia entender melhor que, se você está respirando, é porque Ele deixa.

  8. isso é uma insanidade sem tamanho…simplesmente enterraram este animal em vida…e maldito deste presidente do Japão que ordenou a morte dos elefantes anteriores…TEM QUE TERMINAR COM ZOOLOGICOS …é um depósito de animais que rende lucro para alguem, só isso…

  9. Me perdoem meus amigos nipônicos mas esse é um pais dos mais cruéis e desumanos que existe., inclusive dizimando as Baleias! Tsunami deve ser castigo da agredida Mãe Natureza.
    Liberdade para HANAKO Já!

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui