Feira de adoção em Caruaru (PE) implanta chip para monitorar cães e gatos


Animais serão monitorados por microchip em Caruaru (Foto: Divulgação/Allê Herculano)
Animais serão monitorados por microchip em Caruaru (Foto: Divulgação/Allê Herculano)

Cães e gatos acolhidos na Feira de Adoção da Gerência de Proteção Animal (GPA), em Caruaru, no Agreste de Pernambuco, serão monitorados por microchip. A medida é voltada para animais adultos. O equipamento armazenará o histórico com informações básicas – a exemplo de raça, sexo e tamanho, segundo a assessoria do GPA. O procedimento é gratuito.

O GPA informou que a implantação do microchip é indolor e ele será colocado de forma subcutânea no dorso do animal. De acordo com a assessoria, a microchipagem vai ajudar nos casos de perda do animal – caso ele seja encontrado, no chip constará o nome e o telefone do tutor. Os cães e gatos comunitários (que não tem tutor, mas vivem em determinado local) serão castrados e terão microchip. Inicialmente, 550 chips serão aplicados.

Segundo o veterinário José Simonal, o microchip apresenta vantagens para as instituições públicas, associações de proteção animal e tutores. “Os microchips são de fácil aplicação, seguros, invioláveis e permanentes. Devem ser implantados por aplicadores específicos e não é necessária anestesia geral. Uma vez implantados em um animal, não poderão ser reutilizados para outro”, explicou Simonal.

Fonte:G1


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

NOVOS LARES

RIO CLARO (SP)

EXTINÇÃO

VISIBILIDADE

CANADÁ

ABRAÇO ANIMAL

DENÚNCIA

JAPÃO


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>