Naturatins transfere ovos de tartaruga para evitar que sejam vítimas de traficantes


Técnico retirando ovos de cova em praia do Tocantins (Foto: Divulgação/Fábio Gamba)
Técnico retirando ovos de cova em praia do Tocantins (Foto: Divulgação/Fábio Gamba)

Uma base do Instituto Natureza do Tocantins (Naturatins) foi montada na Praia da Gaivota, município de Araguacema, região oeste do estado, para receber ovos de tartarugas da Amazônia e tracajás, que estão em período de desova. Até agora, conforme o instituto, o local já recebeu 220 ovos transferidos de praias da região.

O Naturatins conta que os ovos são retirados da cova original para evitar que sejam saqueados pelas pessoas que frequentam as praias. A ação faz parte do Projeto Quelônios, implementada por técnicos do Naturatins e da Área de Proteção Ambiental do Bananal/Cantão.

Os ovos encontrados, conforme o Naturatins, foram desovados nos últimos três dias. Um raio de 40 km de praias que abrangem o município está sendo supervisionado.

Fonte: G1


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

ESTELIONATO

MALDADE

ESTADOS UNIDOS

FEBRE AMARELA

REVERSÃO


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>