Pinguim ferido nas costas é resgatado em praia de Macaé (RJ)


Pinguim foi achado por pessoas que caminhavam no calçadão da Praia Campista (Foto: Divulgação/ Guarda Ambiental)
Pinguim foi achado por pessoas que caminhavam
no calçadão da Praia Campista
(Foto: Divulgação/ Guarda Ambiental)

Um pinguim com as costas aparentemente cortada foi encontrado na manhã de quinta-feira (6) por pessoas que passavam pelo calçadão da Praia Campista em Macaé, no interior do Rio. A Guarda Ambiental foi acionada e levou o animal para a sede do órgão, onde ele terá o acompanhamento de um biólogo. Outros três pinguins mortos foram encontrados na Praia da Pedrinha.

Os agentes da Guarda Ambiental acreditam que o pinguim tenha passado por baixo de alguma embarcação, encostando na hélice. Segundo Eduardo Pimenta, biólogo consultor do G1, o aparecimento da espécie nessa época do ano é comum. Eles vêm da Patagônia por meio das correntes marítimas através das frentes frias do Sul do país.

“Os animais encontrados debilitados devem ser encaminhados para órgãos ambientais”, disse o especialista. Já a recomendação no caso de pinguins encontrados em boas condições físicas é a de manter distância na água, permitindo que ele retorne para alto mar.

Não é recomendado o contato físico desses animais com humanos por conta de riscos de contaminações de pele, além de possíveis prejuízos à saúde do animal, que pode ficar estressado.

Fonte: G1


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

APELO

LUTO

FLORIANÓPOLIS (SC)

SÃO PAULO

INOVAÇÃO

AMOR

ESTUDO

ÁFRICA DO SUL

CÂNCER DE PELE

CONSERVAÇÃO


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>