Lince descansa no quintal de uma casa em Calgary


(da Redação)

Foto: V. Galloway
Foto: V. Galloway

Por volta das 11 da manha do último domingo, uma mulher na região de Calgary, Canadá, encontrou uma surpresa no quintal de casa, segundo informações do Global News.

Um lince estava deitado no gramado da casa da mulher, de 63 anos. “Eu só ia sair para sentar no meu quintal e o vi,” conta a mulher. O animal teria passado a maior parte do dia no quintal de sua residência, até o momento em que viu um esquilo e escalou uma macieira, desaparecendo de vista.

O felino atraiu atenção na internet depois que a filha da proprietária divulgou fotos do animal deitado sob o sol.

Uma agência de conservação da província de Alberta foi notificada e está acompanhando a situação. Os fiscais de conservação decidiram não resgatar o lince, considerado “inofensivo” para os seres humanos, porque costuma se alimentar de pequenos animais como coelhos e roedores.

Foto: Twitter/Laurel G
Foto: Twitter/Laurel G

Há relatos frequentes da presença de linces na cidade de Calgary. É preciso lembrar que episódios como esse estão intimamente relacionados à devastação do habitat desses animais, razão pela qual eles passam a vagar por áreas povoadas por seres humanos, o que pode resultar em consequências negativas tanto para os animais, quanto para os habitantes humanos da região.


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

CONSERVAÇÃO

MUDANÇAS CLIMÁTICAS

MAUS-TRATOS

HABITATS DESTRUÍDOS

OMISSÃO

ECONOMIA CIRCULAR

DEDICAÇÃO

TECONOLOGIA


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>