Três aves marinhas são devolvidas à natureza


Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

Três aves marinhas, entre elas, uma fragata juvenil e dois atobás, um macho e uma fêmea, foram introduzidos ao seu habitat natural, nesta quinta-feira (16).

A fêmea chegou ao Centro de Reabilitação e Tratamento de Animais Aquáticos em 10 de maio, após ser encontrada em Ilha Grande, no Rio de Janeiro por apreensão. O animal, ainda que saudável, estava sem algumas penas.

Já o macho chegou no dia 16 de maio, de São Sebastião, com uma fratura no fêmur e a fragata veio de Angra dos Reis com infecção. Todos os animais passaram por exames e cuidados específicos com o objetivo de garantir que estivessem aptos à reintrodução.

A equipe do Instituto Argonauta recomenda que ao encontrar um animal marinho debilitado, o ideal é não se aproximar, pois, dependendo da espécie, o mesmo pode se tornar agressivo caso se sinta ameaçado. Deve-se ligar para o órgão responsável da cidade ou diretamente para o telefone do Instituto (12) 3833-4863 ou (12) 3834-1382, que atende as ocorrências entre Angra dos Reis/RJ e São Sebastião/SP.

Fonte: A Tribuna


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

ASCENSÃO

GRATIDÃO

INDEFESAS

VIDA NOVA

ETERNIZADO

AÇÃO SOCIAL

AMOR


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>