ONG Proteger monta bazar em Petrolina (PE) para arrecadar fundos


Foto: Pamela Durando / Arquivo pessoal
Foto: Pamela Durando / Arquivo pessoal

Criada no ano de 2011, a Organização Não Governamental Associação Proteger recolhe animais em situação de abandono nas cidades de Petrolina, no Sertão pernambucano, e em Juazeiro-BA. Porém, como os custos para manter a ONG são elevados e o número de voluntários e doadores é considerado pequeno para as despesas, a equipe tem que organizar eventos para manter as atividades da Proteger. No sábado (13), um bazar com roupas e brinquedos está sendo organizado e os recursos serão usados para pagar os custos da ONG.

O bazar será montado a partir das 9h na Praça do Bambuzinho, na região central de Petrolina. “Serão vendidos artigos femininos, masculinos e infantis, assim como brinquedos. Tudo a partir de R$ 1”, disse a organizadora dos eventos da ONG, Cristiana Moraes. No último evento realizado, a ONG conseguiu arrecadar cerca de R$ 2 mil. Além de bazar, os voluntários estão montando um esquema de programação para angariar fundos.

“Queremos organizar pelo menos três eventos por mês. Na quarta-feira (10) estaremos em um supermercado de atacado com um estande, conversando com os clientes para tentar buscar doações”, disse Cristiana. Segundo a voluntária, a Proteger recebe doações em dinheiro, medicação e ração para os animais. Atualmente cerca de 100 bichinhos recolhidos estão sob os cuidados da ONG.

A sede da instituição que ficava no bairro Vila Eduardo, na Zona Leste, teve que ser fechada. A voluntária explica que o objetivo era ter um local fixo para receber doações, mas a população estava usando para descartar animais, o que é crime. “Deixávamos a sede aberta para que as pessoas pudessem doar, mas as pessoas iam abandonar animais. Tampavam a placa do carro e iam de capacete para não serem reconhecidos”, contou. As pessoas que quiserem doar, podem entrar em contato com a página da Associação Proteger.

Fonte: G1


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

MAUS-TRATOS

PROTEÇÃO ANIMAL

INESPERADO

ASCENSÃO

GRATIDÃO

INDEFESAS


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>