Direitos dos grandes primatas - dr pedro a. ynterian

A Lei do Foie Gras

Foto: Getty Images/ Terra.com.br
Foto: Getty Images/ Terra.com.br

Quando ainda não existia o Santuário de Grandes Primatas de Sorocaba, visitando algumas propriedades na área de Votorantin e Sorocaba conheci uma granja que criava gansos ao estilo francês. Na época, eu não tinha ideia de como era aquele processo industrial, para engordar rapidamente aqueles gansos e desenvolver um fígado várias vezes o tamanho do normal, que rende um Foie Gras extraordinário.

Um funil é colocado na boca do ganso à força e em poucos minutos uma quantidade absurda de ração é projetada em seu sistema digestivo – é uma engorda à força, como não existe outra forma no mundo. Esse processo termina muitas vezes em tragédia, já que o esôfago e a garganta são perfurados e a ave morre rapidamente.

Imagine uma criação de centenas de gansos – que foi o que eu vi – submetidos diariamente a essa tortura. Alguém que presencia esta violência nunca mais come o Foie Gras!

FAÇA PARTE DO #DiaDeDoarAgora EM 5 DE MAIO

Os gansos são animais extraordinários, inteligentes e que se convertem até em excelentes cuidadores de propriedades.

A Lei aprovada na Câmara de Vereadores de São Paulo, de autoria do Vereador Laercio Benko (PHS), depende agora da assinatura do Prefeito Fernando Haddad, que, segundo uma matéria do Jornal O Estado de São Paulo, é um “confesso admirador da iguaria francesa”, produzida pela tortura bestial e alucinante de milhões de gansos no Brasil e no mundo.

A cidade de São Paulo daria um exemplo e uma lição mundial ao aprovar uma Lei que vai livrar da tortura muitas aves e que vai expor para a sociedade a produção de Foie Gras como uma prática criminosa e que ainda persiste nas sociedades humanas.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui