Filhote de peixe-boi é resgatado em comunidade no interior do AM


Peixe-boi resgatado tem aproximadamente um metro de comprimento (Foto: Divulgação/Ipaam)
Peixe-boi resgatado tem aproximadamente um metro de comprimento (Foto: Divulgação/Ipaam)

Um filhote de peixe-boi com aproximadamente 1 metro de comprimento foi resgatado na manhã de sexta-feira (8) na Comunidade de São Francisco, no Paraná do Parauá, dentro do município do Careiro da Várzea. O animal foi trazido a Manaus de voadeira.

Segundo informações do Instituto de Proteção Ambiental do Amazonas (Ipaam), o filhote ficou preso em uma malhadeira de um pescador. Ao verificar que o animal estava sem a mãe, o homem resolveu levá-lo para sua casa. Lá, cuidou do filhote por oito dias, e em seguida acionou o Ipaam. A comunidade batizou o peixe-boi com o nome de “Chiquito”.

“Ele está bem saudável. E estava se alimentando normalmente, isso é sinal de que ele não estava sozinho há muito tempo, provavelmente quando foi pego estava com a mãe. Ele tem todas as chances de se recuperar”, disse a bióloga Estela Rentel, por meio de assessoria de comunicação.

Esse é o segundo resgate de filhotes de peixes-boi realizado neste ano. Em abril, um animal da mesma espécie foi resgatado na comunidade de São João do Jacu, próximo de Parintins, a 369 km de Manaus.

De acordo com a veterinária Estefani Fujita, a mãe do filhote foi caçada e o espécime acabou ficando sozinho. Ele foi resgatado por fiscais do Instituto de Proteção Ambiental do Amazonas (Ipaam), que foram acionados pela Secretaria de Meio Ambiente de Parintins. O Ipaam fez translado do animal da comunidade até o Inpa, na capital.

Fonte: G1


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

MOÇAMBIQUE

ÍNDIA

MINAS GERAIS

ESTUDO

CONSUMO CONSCIENTE

PROTEÇÃO

AMOR PROFUNDO

ÍNDIA


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>