Após terremoto devastador, equipe de resgate viaja ao Nepal para salvar animais


Por Lilian Garrafa (da Redação)

(Foto: World Animal Protection)
(Foto: World Animal Protection)

Uma equipe de veterinários da World Animal Protection que oferece suporte em desastres está se preparando para seguir ao Nepal para ajudar os animais que foram feridos ou ficaram desabrigados.

No sábado (25), um devastador terremoto de magnitude 7,9 atingiu o Nepal, causando destruição generalizada e milhares des mortes. O grupo está trabalhando com as autoridades para se juntar às forças internacionais e complementar a ajuda humanitária, estendendo o auxílio às necessidades dos animais.

Sabe-se que há uma necessidade urgente de tratamento de ferimentos sofridos em decorrência do terremoto e suprimentos emergenciais de água e comida. Será providenciada uma clínica veterinária móvel para fornecer assistência médica aos animais e seus tutores.

Mike Baker, chefe executivo da World Animal Protection, afirmou: “A escala deste desastre é catastrófica para as pessoas e animais. Nossa equipe de veterinários especializados em desastres está a caminho de Katmandu para ajudar os que dela precisam desesperadamente”.

As primeiras informações são de que os animais estão passando por extremas necessidades: estão feridos, morrendo de fome e com alto risco de doença.

Mantenha-se atualizado sobre as ações desta equipe no Nepal pelo Facebook e pelo Twitter e saiba mais sobre seu trabalho de socorro em desastres naturais em todo o mundo.


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

DADOS ALARMANTES

MAUS-TRATOS

DESMONTE AMBIENTAL

ZOOFILIA

RÚSSIA

FINAL FELIZ

CRUELDADE

CRISE ECONÔMICA

SINERGIA


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>