"Ele era meu melhor amigo"

Mulher arrecada dinheiro para recompensar quem achar assassino de cachorro

Tabitha e Si: o cachorro foi morto no quintal da casa Foto: Tabitha Venable
Tabitha e Si: o cachorro foi morto no quintal da casa Foto: Tabitha Venable

A americana Tabitha Venable entrou em desespero ao encontrar seu cachorro morto no quintal em Alabama, nos Estados Unidos. Agora, ela está arrecadando fundos para pagar uma recompensa para quem encontrar o assassino do cão.

Tabitha encontrou o cão Si, de dois anos, caído no quintal de um jeito estranho. Ela levou o animal ao veterinário, e lá descobriu que ele tinha sido baleado. Eles tentaram salvar o cão, mas não conseguiram. A jovem, que é surda, adotou Si quando o cão tinha oito semanas. O cachorro também era surdo, e ela achou que ele precisava de uma mãe assim. Ela até ensinou a ele a linguagem de sinais para que eles pudessem se comunicar.

“Eu posso dizer honestamente, que ele era meu melhor amigo. O fato de alguém querer levá-lo de mim, no único lugar que ele se sentia mais seguro, o nosso próprio quintal, é tão doloroso e perturbador. O indivíduo que fez isso precisa ser responsabilizados por suas ações”, escreveu Tabitha na página que criou para arrecadar fundos. Até agora ela já conseguiu 1.115 dólares, ou cerca de R$ 2.600.

FAÇA PARTE DO #DiaDeDoarAgora EM 5 DE MAIO

Fonte: Extra

1 COMENTÁRIO

  1. Existem muitas dores nesse Vale de Lágrimas mas há umas “tão doloridas” e absurdamente tão sofridas que narra-las é diminuir-lhes a intensidade e desconsiderar-lhes o valor. No silencio, o conforto de Deus alcançando as lágrimas de Tabitha parece dizer mais, revelando que SI agora finalmente pode ouvir “Te amo” na voz de sua amiga, lá onde sem encontra em paz, sem surdez e sem dor. Encontrar o criminoso é importante mas arrecadar fundos para ajudar animais carentes parece mais combinar com a positividade de vocês dois e do que foram e SÃO um para o outro. Namastê

  2. NAMASTE
    SE VOCE FOSSE SURDO E MATASSEM SEU MELHOR AMIGO, OU SEJA O SEU CÃO, VOCE NÃO PENSARIA EM ARRECADAR DINHEIRO NESTE MOMENTO DOLOROSO PARA AJUDAR ANIMAIS DESAMPARADOS E SIM, PARA ENCONTRAR O ASSASSINO.
    PIMENTA NOS OLHOS DOS OUTROS É COLÍRIO.

    • Estou sempre aprendendo e considero suas palavras também benditas lições mas não abro mão de tentar praticar a não violência de Ghandi: “Olho por olho e o mundo acabará cego” .

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui