Operação recolhe animais de grande porte em Cabo de Santo Agostinho (PE)


Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

Uma operação de captura de animais de grande porte soltos foi realizada nesta semana em ruas e avenidas do Cabo de Santo Agostinho. A iniciativa foi fruto de uma ação conjunta entre agentes da Secretaria de Defesa Social do Cabo, juntamente com técnicos do Centro de Vigilância Animal (CVA) e agentes de Saúde Ambiental. A operação ocorreu na terça, quarta e quinta-feira (14, 15 e 16/10).

A intervenção aconteceu em diversos bairros da cidade e resultou no resgate de animais em situação de abandono ou que ofereciam risco à segurança no trânsito e à saúde. Ao todo, 11 equinos foram apreendidos e encaminhados ao Centro de Vigilância Ambiental (CVA), onde receberão cuidados especiais. De acordo com a Lei 1.794 de 1997, os tutores poderão reclamar a guarda dos animais em até 7 dias, mediante apresentação de documentação e o pagamento de taxas públicas correspondentes a remoção, transporte e manutenção de animal. Nos casos em que a posse não for reclamada os animais serão encaminhados para adoção devidamente vacinados e registrados.

O coordenador de apreensão de animais de grande porte do CVA, Fernando Medeiros, destaca que a operação, além de ser de caráter preventivo, busca a conscientização dos tutores. “Permitir que os animais fiquem soltos em ruas e avenidas oferece risco ao animal e à população. Esta ação conjunta é fruto de uma preocupação do governo Vado em prevenir acidente com animais, que são muito frequentes além de conscientizar esses proprietários a não permitir que esses animais fiquem em situação de vulnerabilidade ou sofram maus-tratos”, explicou Medeiros.

A dona de casa Gisele Maria, 32 anos, mora na praia de Enseada dos Corais e aprovou a ação. “Gostei muito desse trabalho. Eu já presenciei diversos acidentes com animais soltos e considero muito importante para dar mais segurança no trânsito”, enfatizou.

Fonte: Giro Metropolitano


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

CATIVO EM ZOO

CRIME AMBIENTAL

RESPONSABILIZAÇÃO

ABERRAÇÃO LEGISLATIVA

ESCRAVIDÃO

EXEMPLO

CICLOVIA RIO PINHEIROS

ESTRESSE


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>