Dona da friboi e Seara

JBS mata mais de 240 milhões de animais pelo mundo em um único trimestre

friboi

Transformar sangue inocente não humano e sofrimento humano em dinheiro – essa é a política da JBS, dona de marcas como Friboi, Seara e Swift. Só no segundo semestre de 2014, cerca de 240 milhões de vidas animais foram eliminadas nos matadouros da empresa em todo o mundo – sendo quase 230 milhões de aves -, enquanto a companhia comemora que as exportações do mesmo espaço de tempo tenham superado US$4,3 bilhões. Esse colossal número não inclui as mortes na Pilgrim’s Pride Corporation (PPC), divisão da JBS encarregada dos frangos nos Estados Unidos. A denúncia é do site da revista Isto É Dinheiro.

Esses dados chegam dez dias depois da repercussão de um outro escândalo envolvendo a empresa: a condenação dela por fornecer carne estragada, com larvas de moscas, a funcionários de um frigorífico de Juruena/MT. Nesse caso, a empresa foi condenada a pagar apenas R$300 mil, em torno de 0,03% do lucro líquido do ano passado, o que favorece que reincida nesse tipo de crime trabalhista.

FAÇA PARTE DO #DiaDeDoarAgora EM 5 DE MAIO

A JBS é o mais vívido exemplo de fusão de exploração animal com exploração humana na indústria global de produtos de origem animal. E os consumidores dos produtos dessa corporação são cúmplices tanto dessas centenas de milhões de mortes de animais como dos diversos abusos trabalhistas em frigoríficos ligados a ela. Só há uma maneira de acabar com essa cumplicidade: aderindo ao veganismo.

Fonte: Veganagente

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui