Secretário de Meio Ambiente é preso suspeito de caçar capivaras em MG


Três homens foram presos, entre eles o secretário de Meio Ambiente de Arceburgo (MG), João Carlos de Souza Dias, durante uma operação da Polícia Militar Ambiental contra a caça na cidade, nesta segunda-feira (4). Segundo a polícia, na propriedade do secretário foram encontrados uma espingarda, algumas munições e cinco quilos de carne de capivara.

Ainda de acordo com a polícia, o secretário alegou que as capivaras foram mortas por cachorros e que ele só aproveitou a carne delas. Assim como os outros dois detidos, ele pagou fiança e foi liberado da Delegacia de Monte Santo de Minas (MG). O secretário deverá responder por crime contra o meio ambiente e posse ilegal de armas. Já os outros dois envolvidos deverão responder apenas por posse ilegal de armas.

O secretário foi procurado, mas até esta publicação não havia sido encontrado para falar sobre o caso. O prefeito de Arceburgo, Antônio Gregório Militão, informou que já tomou conhecimento da ocorrência, mas que aguarda maiores informações para avaliar quais providências serão tomadas. A “Operação Pró-Fauna” apreendeu ao todo sete armas de fogo e cerca de 200 munições de diversos calibres.

Fonte: G1


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

ÓRFÃO

TRATAMENTO

PROTEÇÃO ANIMAL

CRUELDADE


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>