Cientistas criam queijo real sem necessidade de leite animal


queijo

Até hoje, para tentar criar queijo sem uma vaca que produzisse leite era usada a soja, mas cientistas que se denominam «biohackers» dizem ter conseguido “driblar” a necessidade do animal para isso. O grupo diz ser capaz de criar queijo real, através de proteínas de leite real, sem o envolvimento de vacas, cabras, ovelhas ou humanos.

Para isso, o projecto Real Vegan Cheese (queijo realmente vegano), utiliza levedura para pão modificada geneticamente para transformá-las em pequenas fábricas de proteína de leite, que, misturada com água, açúcar vegan e óleo, forma um tipo de leite vegan. Assim, o processo de manufactura do queijo seguiria o tradicional, com um resultado que se assemelha a um lacticínio comum

Os envolvidos estudam o genoma animal atrás de proteínas naturais de produção de leite, e optimiza-o para utilização na levedura, sintetizando o DNA resultante do zero. O DNA, de seguida, é colocado nas células, onde o mecanismo celular produz proteínas reais devido aos genes implantados.

Para fazer o projecto descolar, o grupo tentava arrecadar 15 mil dólares no IndieGogo, site de financiamento colectivo, mas a meta já foi batida com quase um mês restante para o fim da campanha. Há alguns benefícios curiosos para os doadores: quem pagar 2 dólares poderá enviar uma mensagem para reclamar de quaisquer questões que considerar erradas sobre o assunto. Este texto será publicado e o grupo tentará esclarecer os seus pontos. Outro benefício criativo para quem estiver disposto a doar 10 mil dólares é a oportunidade de ter o seu nome vinculado ao queijo.

Os resultados da pesquisa serão abertos, mas o grupo alerta que a fase de pesquisa e desenvolvimento poderá ser longa. Até à constatação de que o consumo é realmente totalmente seguro, o queijo será etiquetado como «não consumível por humanos». Eles esperam conseguir, no entanto, sucesso suficiente para produzir um queijo puro, seguro e legalizado.

O grupo ainda diz que, para aqueles com intolerância a lactose, estão a investigar a possibilidade de usar a levedura para tentar criar proteínas do leite humano para produção de queijo, mas reconhecem que nem todos terão o interesse.

*Esta notícia foi escrita, originalmente, em português europeu e foi mantida em seus padrões linguísticos e ortográficos, em respeito a nossos leitores.

Fonte: diáriodigital


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

ESTUDO

CONSUMO CONSCIENTE

PROTEÇÃO

AMOR PROFUNDO

ÍNDIA

RESGATE

ASFIXIA


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>