Primeiras baleias-francas são vistas em Laguna (SC)


Foto: PMA
Foto: PMA

No ano passado, a preferência das baleias-francas foram as águas costeiras de Laguna, de acordo com o Projeto Baleia-Franca, após dois sobrevoos de monitoramento. Este ano ainda é cedo para saber, mas as primeiras visitantes já foram vistas na “terra de Anita” e moradores da região e a Polícia Militar Ambiental registraram em fotos as primeiras baleias-francas desta temporada no Farol de Santa Marta.

Oficialmente, o período de permanência delas nas praias do litoral Sul catarinense começa em julho e segue até novembro. Essa é a época em que procuram as águas calmas e mais quentes para acasalar, parir e amamentar seus filhotes. Os mamíferos que acasalaram no ano passado estão retornando para procriar.

De acordo com o Instituto Baleia Franca, o período estimado de gestação é de 12 meses. Enquanto permanecem nesta região, as baleias adultas não se alimentam. Baseado no monitoramento que vem sendo realizado nos últimos dez anos, a bióloga do Instituto, Karina Kroch, afirma que mais de 100 baleias devem chegar ao litoral Sul (área que compreende a Área de Proteção Ambiental-APA da Baleia Franca) nesta temporada. Desde 1987, 670 baleias-franca foram catalogadas pelo Instituto.

Extinção

A baleia-franca ainda se encontra na lista nacional de animais que correm risco de extinção, conforme a última reavaliação feita pelo Ministério do Meio Ambiente. Entretanto, Karina salienta que esta população vem crescendo nos últimos anos. “O aumento populacional de baleias chega a 12% ao ano”, ressalta.

Curiosidades

Adulto
Comprimento e peso:
Fêmea: 18 metros / 60 toneladas
Macho: 15 metros / 45 toneladas
Expectativa de vida: 80 anos
Dieta alimentar: basicamente Krill

Filhote
Comprimento e peso: 4 metros / 5 toneladas
Dieta alimentar: leite durante o primeiro ano de vida

Fonte: Engeplus / Comunicação Laguna


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

ÓRFÃO

ARTIGO

DESACATO

GENTILEZA

DOR E SOFRIMENTO

EDUCAÇÃO

BENEFÍCIOS


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>