Ativistas fazem petição contra o rodeio de Chapecó (SC)


rodeio

No dia 16, 17 e 18 de maio foi realizado novamente outro rodeio na cidade de Chapecó, Santa Catarina, o 2º Rodeio Crioulo Interestadual, no Parque da EFAPI – Parque de Exposições Tancredo de Almeida Neves. No mesmo local havia sido realizado outro rodeio no ano passado no qual foi flagrado em vídeo maus-tratos direto aos animais. Nesse ano, o evento teve provas campeiras, provas de laço, leilão para venda de animais e outras atividades danosas.

Durante o “esquenta” das provas de montaria, ativistas pelos direitos animais, registraram em foto e vídeo peões pisando, chutando, cutucando e puxando o rabo de animais para agitá-los e estressá-los antes da entrada na arena. As informações foram enviadas para o grupo ativista local, o SementeS, que está dando continuidade na denúncia.

O Grupo SementeS é dedicado a divulgação de informações sobre direitos animais, pelo fim de toda e qualquer exploração animal. Desde a coleta do vídeo o grupo tem atuado na divulgação do conteúdo e na coleta de assinaturas contra o rodeio de Chapecó na internet e nas ruas.

Enviem uma mensagem para o governo local:

Os animais são seres sencientes e conscientes de suas vidas, portanto, sujeitos de direitos e não devem ser tratados como objetos, como “trampolim” dos humanos.

O rodeio é uma atividade humilhante e estressante para os animais, que são feridos com ferramentas de tortura utilizadas para agitar o animal, como o polaco, peiteira, terebintina, sedém (cinta que se amarra na virilha do animal e que faz com que ele pule de dor, já que nessa região existem órgãos, como parte dos intestinos, bem como a região do prepúcio, onde se aloja o pênis do animal) ou até mesmos tapas, chutes e pontapés como os flagrados recentemente no rodeio de Chapecó, além de toda exposição a luz e som intenso que também é prejudicial ao animal configurando crime de maus-tratos (Lei de Crimes Ambientais 9.605/98).

Esperamos que a Prefeitura da cidade capital do turismo Chapecó seja exemplar no que tange a justiça e ao respeito aos animais proibindo provas de rodeios e práticas similares na cidade, com base nas provas registradas em vídeo e que podem ser facilmente presenciadas em quaisquer rodeios.

E-mails: prefeitura@chapeco.sc.gov.br, americo@cmc.sc.gov.br, astrit@cmc.sc.gov.br, gringo@cmc.sc.gov.br, valmorscolari@cmc.sc.gov.br, adaoteodoro@cmc.sc.gov.br, arestide@cmc.sc.gov.br, valduga@cmc.sc.gov.br, cleitonfossa@cmc.sc.gov.br, delvino@cmc.sc.gov.br, pelicioli@cmc.sc.gov.br, diegoalves@cmc.sc.gov.br, ildoantonini@cmc.sc.gov.br, itamar@cmc.sc.gov.br, dirceu@cmc.sc.gov.br, dr.joao@cmc.sc.gov.br, marciosander@cmc.sc.gov.br, agne@cmc.sc.gov.br, joaosiqueira@cmc.sc.gov.br, marcileivignatti@cmc.sc.gov.br, marchesini@cmc.sc.gov.br, tomasi@cmc.sc.gov.br, nedioconci@cmc.sc.gov.br, neuri@cmc.sc.gov.br, cleber@cmc.sc.gov.br, tigrao@cmc.sc.gov.br, celioportela@cmc.sc.gov.br, paulinho@cmc.sc.gov.br, auricasalli@cmc.sc.gov.br, fcultura@chapeco.sc.gov.br, sde@chapeco.sc.gov.br, defesa@chapeco.sc.gov.br, sde@chapeco.sc.gov.br, esporte@chapeco.sc.gov.br, educacao@chapeco.sc.gov.br

Assine a petição para proibir o rodeio em Chapecó!

Fonte: Site Camaleão


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

VIOLÊNCIA INJUSTIFICADA

ASSASSINATO BRUTAL

EXEMPLO

AGROPECUÁRIA

POVOS ORIGINÁRIOS

FINAL FELIZ

DOR E SOFRIMENTO

DESUMANIDADE


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>