Projeto visa solução para a população canina na UFPA


Cães e gatos circulam livremente pela UFPA e despertam a compaixão das pessoas. (Foto: Camila Lima/ O Liberal)
Cães e gatos circulam livremente pela UFPA e despertam a compaixão das pessoas. (Foto: Camila Lima/ O Liberal)

A Universidade Federal do Pará (UFPA) está elaborando um projeto que visa cuidar, identificar e realocar a população canina do campus em Belém. O objetivo é apresentar uma solução para a circulação e, principalmente, para a saúde dos cães. O projeto, batizado de “Shiba” (nome do cão guia de uma aluna da universidade), também deve atender a necessidade do controle da natalidade canina, que deverá ser resolvida com a castração desses animais.

“Precisamos fazer esse projeto com toda a preocupação e a precaução de tratar os animais de maneira digna, dar o conforto e as condições de vida que merecem, mas entendendo, também, que a Universidade não pode ter a convivência com eles da forma como vivem hoje, sem cuidados”, afirma o reitor reitor Carlos Maneschy.

Segundo a organização do plano, o trabalho será cuidadoso e todas as atividades e ações do programa serão agilizadas o mais rápido possível. “Esperamos que a causa de Shiba, simbolicamente, nos guie, para buscar as melhores soluções”, afirma o professor Stéfano Andrade, coordenador acadêmico do Campus Castanhal, que tem toda uma estrutura montada na área de Medicina Veterinária.

A comissão da causa animal da UFPA afirma que é muito importante este momento de decisão em relação à vida desses animais. “É momento muito importante porque vem ao encontro dos nossos anseios de proteger esses animais, pelos quais lutamos há muito tempo. O nosso papel vai ser de monitoramento e acompanhamento do projeto. Eu espero que ele seja executado e cumpra o que sempre sonhamos para eles (animais), uma vida digna”, disse Sueli Palheta.

Fonte: G1


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

MAUS-TRATOS

PROTEÇÃO ANIMAL

INESPERADO

ASCENSÃO

GRATIDÃO

INDEFESAS


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>