Urbanismo inicia ampliação do Centro de Reabilitação Animal e Zoonose em Indaiatuba (SP)


A Secretaria de Urbanismo e do Meio Ambiente iniciou no final de maio a obra de reforma e ampliação da sede do Centro de Reabilitação Animal e Zoonoses, que funciona no Distrito Industrial. O objetivo da obra é melhorar os serviços e ampliar o atendimento que é realizado no local.

Com a ampliação, o prédio ficará com duas salas cirúrgicas para castração de cães e gatos, uma nova sala para pós-operatório e uma sala para esterilização. O secretário de Urbanismo, José Carlos Selone, explicou que além das novas salas, a parte do canil também será reformada e o prédio passará por uma manutenção geral.

O Centro de Reabilitação Animal e Zoonoses foi inaugurado em abril de 2009 e tem a proposta de recolher animais machucados que apresentam risco à população, filhotes abandonados e cadelas que estejam esperando filhotes, cuidar desses animais e encaminhá-los para novos lares. Também em 2009, o Centro iniciou o programa de castrações gratuitas de cães e gatos em parceria com as associações de proteção a animais, sendo que três delas permanecem até hoje: a Associação Protetora dos Animais de Indaiatuba (Aprai), União Protetora dos Animais de Rua de Indaiatuba (Upar) e Grupo de Amigos em Prol dos Animais (Gapa).

Os procedimentos são realizados por uma médica veterinária e para ter acesso ao serviço as famílias passam por uma triagem e não podem ter renda superior a dois salários mínimos. A entidade faz o cadastro e encaminha à Secretaria de Urbanismo para o agendamento das castrações. Cada semana uma entidade é responsável por selecionar os animais que são encaminhados para a cirurgia.

Em 2012 o Centro de Reabilitação Animal e Zoonoses passou por uma reforma. Na ocasião foram construídas baias para animais em quarentena, novas baias para recreação e antiestresse, e construção de um espaço para recreação e banho de sol voltado aos filhotes.

Fonte: Mais Expressão


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

VIDA NA RUA

RESPEITO E AFETO

FINAL FELIZ

TRISTEZA

PUNIÇÃO

MAUS-TRATOS

SEGUNDA CHANCE

CENSURA

DESPERTAR


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>