Dois homens são presos pescando no Rio Miranda (MS)


Nessa segunda-feira (16), a Polícia Militar Ambiental prendeu dois homens pescando no Rio Miranda (MS). A prisão ocorreu quando os militares fiscalizam a região próximo ao Balneário do Verano, zona rural de Miranda, com o intuito de prevenir e reprimir a pesca no período de piracema. Os dois homens moradores da cidade de Jardim foram pegos com duas sacolas, uma com três peixes da espécie Jaú e Pintado e a outra com uma rede de pesca.

Os dois pescadores foram conduzidos, juntamente com o material apreendido, à Delegacia de Polícia Civil de Jardim, onde foram autuados em flagrante e saíram depois de pagar fiança. Os dois homens vão responder por crime ambiental, com pena prevista de um a três anos de detenção. Também foi arbitrada multa no valor de R$ 2 mil para cada infrator.

Com informações de Capital News

Nota da Redação: Não somente no período de piracema, mas em qualquer momento a pesca deveria ser proibida. Peixes são seres sencientes, que sofrem em todo o processo da pesca até a morte por asfixia, por isso pescar é levar adiante um genocídio silencioso e pouco denunciado, que precisa ser abolido imediatamente. 


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

CALIFÓRNIA

ANGÚSTIA

COMPANHIA

VIOLÊNCIA INJUSTIFICADA

ASSASSINATO BRUTAL

EXEMPLO

AGROPECUÁRIA

POVOS ORIGINÁRIOS

FINAL FELIZ


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>