Documentário apresenta pesquisa sobre circos na Bolívia


Por Simone Gil Mondavi (da Redação – Argentina)

Foto: ADI
Foto: ADI

A organização “Animal Defenders International” conseguiu que a Bolívia tornar-se primeiro país latino-americano a proibir o uso de animais selvagens e domésticos em espetáculos públicos. Segundo a nova lei, os circos tiveram um ano para adaptar-se à nova lei, ainda assim muitos continuaram mantendo os animais engaiolados, incluindo leões, em condições muito deploráveis. As informações são de Econoticias.

lion-cub-450x254
Foto: Econotícias

No ano 2010 com ajuda de funcionários da vida silvestre da Bolívia, a organização de Animal Defenders realizou uma pesquisa encoberta que terminou com a apresentação do documental “Lion Ark” (Arca do leão). A material audiovisual testemunha o rastreia de oito circos ilegais.

Em alguns meses foram resgatados 25 leões, seis macacos, um quati-de-bando, um cavalo e um veado. Todos foram trasladados a santuários de Bolívia ou retornados a seu habitat natural.

O nome do documentário foi em alusão ao avião que usaram os defensores para trasladar aos felinos.

“Lion Ark” foi promovido no circuito de festivais de cinema internacional neste mês.

 


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

CATIVO EM ZOO

CRIME AMBIENTAL

RESPONSABILIZAÇÃO

ABERRAÇÃO LEGISLATIVA

ESCRAVIDÃO

EXEMPLO

CICLOVIA RIO PINHEIROS

ESTRESSE


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>