Palestino tortura rato que teria roído seu dinheiro


Um morador não identificado de Gaza, na Palestina, foi alvo de críticas no Facebook. O homem postou em sua conta na rede social uma foto da tortura que preparou para um rato que havia destruído o equivalente a US$ 170.

(Foto: Reprodução/Facebook)
(Foto: Reprodução/Facebook)

O animal roeu as notas de dinheiro que o palestino havia deixado em um armário.

A imagem gerou discussões na web. Internautas comentaram que, apesar da maldade com o animal, pior situação de tortura vive a própria população palestina.

(Foto: Reprodução/Facebook)
(Foto: Reprodução/Facebook)

Outro grupo questionou na rede social a veracidade da foto.

Fonte: Globo Rural

Nota da Redação: Caso a foto seja verdadeira, é necessário entender que o sofrimento do povo palestino não autoriza ou justifica o sofrimento animal. Seria inimaginável publicar uma foto assim caso o fato ocorresse com humanos, entretanto, o tratamento humano dado aos animais ainda permite esse tipo de brutalidade, a que o rato foi submetido cruelmente. 


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

ESTUDO

CONSUMO CONSCIENTE

PROTEÇÃO

AMOR PROFUNDO

ÍNDIA

RESGATE

ASFIXIA


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>