Impermanência, uma amiga


Os tempos não são de facilidades, mas sim de resolver coisas, pendências, e somos literalmente levados ao movimento.

Estamos vivenciando a impermanência.

Acompanhante natural dos seres vivos, a impermanência é amiga , pois não provocaríamos mudanças em nós e em nossas vidas – de livre e espontânea vontade, mesmo sabendo o quanto estas nos ensinam e fortalecem. As coisas mudam, e o que temos a fazer é mudar com elas.

Quando não resistimos às mudanças e nos aliamos a elas – mesmo que não as compreendamos, passamos por elas com leveza e podemos aproveitar melhor o que de positivo elas trazem, reconhecendo em nós a capacidade de transformar situações desafiadoras.

Quando resistimos, além de não as evitarmos, ainda temos que carregar o peso extra que nelas colocamos.

Ninguém disse que é fácil, mas quando encaramos tudo que nos acontece como positivo, procurando ver além das aparências ou do pensamento padrão, o que emerge é um sentimento de gratidão, que embora acompanhado de certa ansiedade natural do desconhecido, atrai a compreensão, ou, até melhor, a fé, que independe dela.

Acreditem, estou aproveitando o que escrevo para lembrar de viver meus próprios desafios da melhor forma possível.

E o que tem isso a ver com animais? Tudo, por que se nos elevamos, tudo e todos se elevam conosco, principalmente os animais companheiros, que nos sentem como seus mestres e respiram a energia que emanamos. Além disso, querendo ou não, a exploração animal depende de escolhas humanas para ser erradicada.


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

MAUS-TRATOS

FELICIDADE

TRATAMENTO MÉDICO

PROGRESSO

GANÂNCIA

DESTRUIÇÃO AMBIENTAL

COREIA DO SUL


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>