Onça-pintada é recebida por Refúgio Biológico em Foz do Iguaçu (PR)


O Refúgio Biológico Bela Vista (RBV), da Itaipu, recebeu na última sexta-feira (30) um filhote de onça-pintada resgatado na Ilha de Marajó, no Pará. O animal, uma fêmea com aproximadamente quatro meses de idade e oito quilos, passa por período de quarentena, para ambientação e avaliação médica.

O biólogo Marcos de Oliveira, da Divisão de Áreas Protegidas (MARP.CD) de Itaipu, explicou que a onça estava no Centro de Triagem de Animais Silvestres de Macapá (AP), após ser resgatada no Pará. A mãe do animal teria sido assassinada por caçadores.

Cuidados especializados
De acordo com Marcos de Oliveira, a decisão de transferir a onça para Foz do Iguaçu partiu do Centro Nacional de Pesquisa e Conservação de Mamíferos Carnívoros (Cenap), ligado ao Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio). “O animal precisava de cuidados especializados e por isso decidiram enviá-la para cá”, explicou.

Outros animais
Na última semana, o Refúgio Biológico recebeu outros cinco animais: um filhote de jaguatirica, que também veio do Pará; dois tamanduás, um apreendido na região e outro em Santa Catarina, uma lontra e um furão, ambos apreendidos em Santa Catarina. Todos são machos e passam por período de quarentena.

De acordo com o médico veterinário Wanderlei de Moraes, da MARP.CD, inicialmente os animais ficarão no Hospital Veterinário. Posteriormente, se não tiverem condições de voltarem à natureza, serão transferidos para o Zoológico Roberto Ribas Lange.

Fonte: Paraná Shop


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

MAUS-TRATOS

PROTEÇÃO ANIMAL

INESPERADO

ASCENSÃO

GRATIDÃO

INDEFESAS


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>