Manifestação contra touradas realiza-se domingo em Portugal


Foto: Diário Digital
Foto: Diário Digital

Em comunicado enviado hoje à agência Lusa, a ONG ANIMAL recorda que, desde o início do verão, tem feito o possível para prevenir que a tourada de dia 18 suceda em Viana do Castelo, numa organização da federação “Prótoiro”.

“Não há, infelizmente, forma judicial de contestarmos esta decisão do tribunal. Quem o pode fazer é a Câmara e, pelo que a ANIMAL soube, já o fez. Não há absolutamente mais nenhuma tentativa que possamos fazer judicialmente quanto a esta tourada”, afirma a ANIMAL, no mesmo comunicado.

A associação de defesa dos direitos animais recorda que Viana do Castelo foi o primeiro município a tornar-se “antitouradas”, em fevereiro de 2009, por decisão da autarquia, mas “será uma vez mais invadido pela pouca-vergonha”, recordando que o mesmo aconteceu já em 2012.

“A ANIMAL estará a manifestar-se juntamente com os cidadãos de Viana que organizaram um protesto para a tarde de domingo”, acrescenta a associação.

Junto à desativada praça de touros de Viana do Castelo está ainda previsto um festival de música “antitouradas”, igualmente para domingo, às 20:00.

A “Prótoiro” afirmou, na quarta-feira, que o regresso das touradas a Viana do Castelo, às 17:00 de domingo, é “um dado perfeitamente assente”, por a corrida já estar licenciada pela Inspeção-Geral das Atividades Culturais e a instalação da arena “autorizada” pelo tribunal.

*Esta notícia é original de Portugal e foi mantida em seus padrões linguísticos e ortográficos, em respeito a nossos leitores portugueses.

Fonte: Diário Digital


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

DESMATAMENTO

BARBÁRIE

PRESSÃO INTERNACIONAL

INVOLUÇÃO

UNIÃO

PREVENÇÃO


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>