Gatos são mortos de forma brutal dentro de abrigo em Ribeirão das Neves (MG)


Foto: ONG Gato Uai
Foto: ONG Gato Uai

A covardia praticada contra nove gatos que viviam em uma casa destinada a animais abandonados em Justinópolis, em Ribeirão das Neves, na Grande BH (MG), deixou voluntários desolados nesta quarta-feira (19).

Seis animais da ONG Gato Uai morreram com suspeita de envenenamento: Yanco, Bill, Otavio, Lucineide, Enzo e Lauren. Esta última foi deixada agonizando: o responsável pelas mortes abriu o peito do animal vivo e o deixou caído.

Bruna Bueno, 24 anos, não consegue conter o choro ao explicar o que viu ao chegar nesta manhã à casa, que fica na rua 18.

“Eram todos muito bem cuidados, vacinados. Um lugar limpo, com muitas caixinhas. Reviraram tudo e mataram seis dos nossos animais. Quando fomos colocar a Lauren num saco e levar para a necrópsia, vimos os órgãos para fora. Não sei como alguém teve coragem de fazer isso.”

Três gatos, chamados Gu, Mohamed e Ana, foram levados para uma clínica veterinária e medicados. Um cachorro que tomava conta da casa também foi levado. Os vizinhos disseram ter ouvido latidos por volta das 2h. Um boletim de ocorrência foi registrado na Polícia Militar, mas nenhum suspeito foi identificado.

Fonte: R7


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

NOVOS LARES

RIO CLARO (SP)

EXTINÇÃO

VISIBILIDADE

CANADÁ

ABRAÇO ANIMAL

DENÚNCIA

JAPÃO


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>