Veterinários indicam maconha para tratar animais doentes


O veterinário Doug Kramer com seu cachorro Mason em fevereiro (Foto: Oscar Anaya/Vet Guru Inc/AP)
O veterinário Doug Kramer com seu cachorro Mason em fevereiro (Foto: Oscar Anaya/Vet Guru Inc/AP)

Um grupo de veterinários americanos liderado por Doug Kramer, de Los Angeles, está recomendando o uso medicinal de maconha para animais domésticos doentes ou em estado terminal.

Na imagem acima, Kramer é visto com seu cachorro Mason dentro de um caminhão cirúrgico móvel. O veterinário aplicou um óleo de marijuana sobre a pele do animal, que já passou por várias operações para a retirada de tumores.

Uma infusão de maconha chamada Companion Cannabis, fabricada pela empresa Holistic Therapeutics, por exemplo, destina-se ao alívio da dor em animais como cães e gatos. O produto é vendido na empresa La Brea Compassionate Caregivers, em Los Angeles. A gerente, Megan Hanley, aparece na foto abaixo sorrindo após desenhar um anúncio em um quadro.

Em todos os EUA, há um movimento crescente para tornar a maconha mais acessível aos animais. Vários especialistas, porém, pedem cautela até que haja um maior conhecimento científico por trás dessa indicação.

Fonte: G1


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

MAUS-TRATOS

EMPREENDEDORISMO

AÇÃO HUMANA

CONSCIENTIZAÇÃO

ABUSO

ÓRFÃO

COREIA DO SUL


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>