Centenas de peixes são encontrados mortos, boiando em lago em Aracaju (SE)


Foto: Divulgação

Quem esteve no parque da sementeira na tarde do último sábado, 04, em Aracaju (SE) , deparou-se com uma cena no mínimo assustadora. Centenas de peixes boiavam sobre águas que fica dentro do Parque. Devido a um forte cheiro os visitantes foram atraídos para o lago, quando se depararam com a cena, que foi registrada por uma internauta.

Janaína Santos foi uma das pessoas que presenciou e registrou o caso. Ela conta que o momento seria de diversão, mas interrompido pelas imagens, que ela denomina como chocantes.

“O passeio de domingo no Parque da Sementeira tinha tudo para ser divertido: família, céu limpo e até uma brisa para aliviar o calor. Infelizmente me deparei com esta chocante imagem. Muitas pessoas observando os funcionários tirarem os peixes mortos com pás. Não dava para ficar muito tempo olhando devido ao mal-cheiro insuportável. Muito triste ver os peixes sofrerem assim”, relatou Janaína em sua página do Facebook.

A repórter fotográfica contou que não havia funcionários no local que pudessem explicar o ocorrido. Ainda segundo ela, funcionários da limpeza tiravam os peixes mortos com pás. “O que me chamou a atenção foi a quantidade de pessoas próximas ao lago e com as mão no nariz. Entendi melhor quando, ao chegar mais perto, senti um mal-cheiro muito forte, em seguida olhei para o lago e vi esta cena chocante. Não tinha nenhum funcionário no local para dar informação”, relata.

Emsurb

A Empresa Municipal de Serviços Urbanos (Emsurb) esclarece que os peixes que morreram em decorrência da baixa oxigenação da água – ocasionada pela falta de chuvas e consequente redução do volume de água – estão sendo retirados pelos funcionários da Emsurb.

A empresa informa, ainda, que já está sendo realizada pelo Instituto de Tecnologia e Pesquisa (ITPS) a análise tanto da água quanto de amostras de peixes para que haja o controle da salubridade dos lagos durante este período de atípica mortandade.

Fonte: Infonet


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

ABUSO

ÓRFÃO

COREIA DO SUL

SOB INVESTIGAÇÃO

AGRESSÃO BRUTAL

INSTINTO

VIDA NA RUA


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>