Cães são amarrados em grade de edifício por equipe de passeadores, em SP


SM
salmaciel@gmail.com

Foto: Divulgação

No começo deste ano, bem perto da minha casa, vi dois cachorros de porte médio amarrados com uma guia muito curta na grade do edifício que fica na Av. Angélica, 2389. Os cães estavam visivelmente aflitos, pois não conseguiam outras posições além de ficar com o pescoço esticado até a grade. Além disso, o que chamou a atenção é que chovia e não havia ninguém por perto para avisar sobre isso (de repente, podia ser apenas um descuido do responsável.).

Parei e esperei por mais de 10 minutos alguém aparecer, mas ninguém apareceu. Então, eu mesma soltei um pouco a guia para eles poderem pelo menos se deitar e esperar o responsável.

Na semana passada, vi dois passeadores nesse mesmo endereço, amarrando a guia do mesmo jeito no mesmo local e tirei fotos, inclusive dos contatos na camiseta de um deles; e assim soube que se tratava da equipe de Julio Fujarra.

Um deles amarrou três cachorros na grade e subiu no prédio. Perguntei ao rapaz que tinha ficado ali se era praxe amarrar os cachorros na grade e sair. Ele disse que sim, mas que era “rapidinho”. Perguntei então o nome do homem que havia subido e ele confirmou: Julio César.

É isso que eles fazem: em vez de levar os cachorros para passear ou brincar no parque, como dizem suas propagandas, eles os amarram e vão fazer outras coisas.

Posteriormente, soube de denúncias mais graves a respeito de Júlio Fujarra, mas o que é preciso agora é que aqueles que utilizam o “desserviço” dessa equipe sejam informados de como seus animais são maltratados. Importante também que o senhor Julio Fujarra saiba que todos estão de olho: maltratar animais é crime.

Foto: Divulgação

http://www1.folha.uol.com.br/saopaulo/971730-explosao-de-dog-walkers-mistura-diversos-tipos-de-passeadores.shtml

http://parquebuenosaires.blogspot.com.br/2011/10/post-212-ma-conduta-da-equipe-de.html


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

AMOR

VIDA NOVA

RIO DE JANEIRO

ALTERNATIVA VEGANA

GENEROSIDADE

REABILITAÇÃO

EMPATIA


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>