Cinco toneladas de peixem morrem por derramamento de óleo em praia do Rio


 

(Foto: Reprodução/Jornal do Brasil)

A Secretaria de Meio Ambiente recebeu uma denúncia de que desde a última terça-feira (31), haveria muitos peixes mortos nas praias de Mauá. O Instituto Estadual do Ambiente (INEA) foi convocado para realizar a medição da oxigenação da água da baía. Segundo a Associação Homens do Mar foram retirados até agora cinco toneladas de um tipo de sardinha chamado Sevilha.

Uma das denúncias recebidas pela secretaria seria de que a empresa GDK estaria derramando óleo na baía. Amostras de água foram colhidas ao lado da balsa cabrea, que é utilizada para a movimentação de cargas.

O agente ambiental Marcolos Ribeiro disse que o nível de oxigênio presente na água está bom, mas que prefere aguardar o laudo que deve sair em 15 dias. “O oxigênio está ótimo, poderia te dizer o resultado da análise agora, mas prefiro enviar para o laboratório para um laudo mais técnico.”

Com informações de Jornal do Brasil

 


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

CALIFÓRNIA

ANGÚSTIA

COMPANHIA

VIOLÊNCIA INJUSTIFICADA

ASSASSINATO BRUTAL

EXEMPLO

AGROPECUÁRIA

POVOS ORIGINÁRIOS

FINAL FELIZ


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>