Polícia quer saber se suspeita de matar cães e gatos em SP lucrou para assassinar os animais


A Polícia Civil está apurando se a dona de casa Dalva Lima da Silva obtinha vantagens financeiras para matar gatos e cães na Vila Mariana, Zona Sul de São Paulo. Ela está sendo investigada sob suspeita de executar 39 animais, encontrados na calçada da Rua Mantiqueira na última quinta-feira (12).

Entidades de defesa dos direitos animais e protetores independentes fizeram manifestação na porta da casa da suspeita.

Foto: ANDA

A residência de Dalva foi pichada com inscrições de “assassina” e de “Justiça”. À polícia, Dalva revelou ter feito eutanásia em cinco animais (quatro gatos e um cão) alegando que eles “estavam muito doentes e não respondiam ao tratamento”.

Fonte: Diário de SP


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

RÚSSIA

FINAL FELIZ

CRUELDADE

CRISE ECONÔMICA

SINERGIA

MAUS-TRATOS

MAUS-TRATOS

PROTEÇÃO ANIMAL


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>