Dois cães morrem após serem esfaqueados por homem, em Brasília


(da Redação)

Na tarde desta quarta-feira (9), um homem esfaqueou dois cães, um pit bull e um rotweiller, em uma casa na região da Estância Planaltina, em Brasília.

Segundo informações do Correio Braziliense, os animais teriam ‘atacado’ seu filho, uma criança de 2 anos, que foi deixada sozinha em casa pela mãe, que se ausentou para levar a filha à escola. O menino já havia sido levado ao hospital por policiais, quando o agressor cruel e friamente atacou os animais. Os cães eram do dono do terreno, identificado como Beto, onde mora de favor a família do garoto.

Os dois animais morreram, pois não restiram aos ferimentos que o pai do menino causou.

A casa onde ocorreu o incidente fica anexa a um mercado, do qual Beto é dono. Funcionários do estabelecimento e familiares atestaram que os animais eram mansos e nunca atacaram pessoas. “Eles eram tranquilos, sempre brincavam com as crianças. O menino sempre montava nele e nunca aconteceu nada”, disse Luiz Eduardo da Silva, 17 anos, filho do tutor dos cães.

Segundo ele, o pit bull tinha 10 anos e o rotweiller, 1. De acordo com o adolescente, outra mulher havia morado na casa com crianças e não ocorreram acidentes.

Até agora não há informações sobre o estado de saúde do garoto, que está internado no Hospital Regional de Planaltina. Pela tarde a polícia deverá começar a ouvir os depoimentos sobre o caso.

Nota da Redação: Espera-se que a polícia cumpra o seu papel e investigue esse caso de crueldade contra esses dois pobres animais que, segundo toda a vizinhança, eram mansos. O assassino agiu deliberadamente, com frieza e não foi em legítima defesa. O agressor, portanto, ao maltratar e causar a morte dos cães, incorre em crime sujeito a pena de detenção de três meses a um ano e multa, sendo a pena aumentada de um sexto a um terço, por conta da morte das vítimas. 


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

RECOMEÇO

BANALIZAÇÃO

CAZAQUISTÃO

DESMATAMENTO

BARBÁRIE


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>