Justiça suspende liminar e confirma rodeio em Curitiba


No início da tarde desta quarta-feira (2) o desembargador do Tribunal de Justiça do Estado do Paraná Albino Jacomel Guérios suspendeu efeito da liminar que proibia a realização da prova de Montaria em Touros na etapa de Curitiba do Brahma Super Bull PBR.  Trata-se de mais uma triste notícia para todos que se preocupam com a defesa dos direitos animais.

A Justiça concedeu liminar na segunda-feira (31) suspendendo e e proibindo as provas de montaria de touros no Brahma Super Bull PBR, que acontecerá entre os dias 3 e 6 de novembro, no Expotrade Convention Center, no município de Pinhais, na Região Metropolitana de Curitiba.Segundo a juíza Diocélia da Graça Mesquita, que despachou a liminar, foi constatado que estas provas submetem os animais à práticas de abuso e maus-tratos, crime previsto por legislação ambiental. A ação foi da Sociedade Protetora dos Animais.

Apesar dos organizadores alegarem que os animais são “bem tratados”, é comprovado e sabido que se trata de uma prática cruel, que tortura, maltrata e explora animais para servirem aos interesses sádicos dos humanos.

Com informações do Bem Paraná


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

PRESERVAÇÃO

PROGRESSO

GANÂNCIA

DESTRUIÇÃO AMBIENTAL

COREIA DO SUL

VEGANISMO

PRESSÃO PÚBLICA

RESILIÊNCIA

RECOMEÇO


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>