Lição aprendida?

Após morte de pug, Gol proíbe cão de focinho curto em voos

Estudante Wemenson Ferreira Braga, 28, com o cão Hachim que não pôde embarcar em voo da Gol. Foto: Alberto César Araújo/Folhapress

A morte de um cão da raça pug no compartimento de carga de um avião da Gol, em 13 de setembro, fez com que a companhia passasse a rejeitar o transporte de cachorros e gatos de focinho curto.

A informação é da reportagem de Ricardo Gallo publicada na edição desta segunda-feira da Folha.  De acordo com o texto, Santiago, o pug, morreu de parada cardiorrespiratória após ficar dez horas dentro da caixa para transportar animais. O voo em que o animal estava, entre Congonhas e Vitória, atrasou e Santiago ficou no porão do avião.

A nova regra entrou em vigor em 22 de setembro, três dias depois de o casal tutor do pug ter colocado um vídeo na internet sobre o incidente.

FAÇA PARTE DO #DiaDeDoarAgora EM 5 DE MAIO

A Gol diz que consultou veterinários ao mudar a regra. Segundo a companhia, esses animais “não possuem grande capacidade respiratória, o que prejudica a regulação de temperatura corporal”.

Entre os recém-barrados estão gato persa, burmês, exótico e himalaio e cachorros boston terrier, boxer, pug chinês e holandês, chow chow, lhasa apso e shih tzu. Até então, a empresa só vetava buldogues.

Fonte: Folha

1 COMENTÁRIO

  1. Ainda bem, assim menos gente arrisca transportar animais com essa companhia irresponsável.
    Já ouvi tantas histórias de horror da Gol com os animais, que quando precisei embarcar a minha frenchie, fomos de TAM. Inclusive, aconteceu um erro com nosso vôo e a cachorrinha precisou me esperar no aeroporto por uma hora, e enquanto isso foi muito bem cuidada pelos funcionários.

    Recomendo a TAM a todos que precisam viajar com seus animais.

  2. Na verdade, é uma alternativa mais barata que dificulta a vida dos tutores e animais, sem considera-los de fato. Até por que o risco de morte de animais de focinho curto é MAIOR, o que não quer dizer que com os outros não há esse risco em caso de atrasos.

    O ideal seria ter um planejamento específico que contemplasse a retirada destes animais do porão do avião em casos de atraso ou mesmo uma cabine que pudesse ser ventilada em casos como esse. Mas sei parece até ridículo falar isso em uma sociedade que trata seres humanos com descaso…mudar toda uma estrutura pelo bem estar de animais não humanos? pffff

    triste.

  3. a licao nao foi aprendida. seria assim se a empresa tivesse um procedimento ou bom senso de algum funcionario q permitisse a retirada eventrega do animal ao dono qd um voo atrasasse, tipo, umas 10 horas, como aconteceu com o pug. dizer ao dono q nao e permitido ver ou retirar o animal de onde ele esta e falta de nocao total.

  4. Pessoal , concordo com várias opiniões aqui , mas a verdade é que tudo dói no bolso. A GOL , cujo fundador responde por vários crimes , só vai melhorar se comprarmos menos passagens aéreas nela , só isso. Doeu no bolso deles , eles mudam , caso contrário , vão continuar nos ‘comprando’ com promoções de passagens baratas. Triste mas real.

  5. Engraçado,com é fácil de jogar a culpa em cima de um ser que não tem como reivindicar pelos seus direitos.Pessoas com deficiências respiratórias,precisam de auxílio também em caso de insuficiência respiraória e nem por isso são exluídas de uma empresa na qual deveria facilitar o transporte,principalmente,desses casos.

  6. Gente, mas fico impressionada em saber como tem tutor q ainda aceita colocar seu pobre bichinho no porão de um avião e deixá-lo lá como se fosse uma mala qlqr, enquanto ele fica no “bem bão”! E o que é pior, depois de saber da morte do Santiago! Ah, pelo amor de Deus!

  7. Processo:

    0700470-71.2011.8.04.0016
    Classe:

    Procedimento do Juizado Especial Cível

    Área: Cível
    Assunto:
    Indenização por Dano Material e Morais
    Distribuição:
    Automática – 22/11/2011 às 14:56
    8º Vara do Juizado Especial Cível – Capital – Unidade UniNilton Lins
    Controle:
    2011/002335 Requerente: WEMENSON FERREIRA BRAGA
    Advogado: Aline Lima Moraes
    Requerido: GOL Linhas Aéreas Inteligentes – VRG Linhas Aéreas S.A
    Advogada: Orleane Taveira Ferreira

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui