Belíssimas cenas do documentário "Cinzas e neve", do fotógrafo Gregory Colbert


Essas são cenas do extraordinário documentário “Cinzas e neve” (2005), do fotógrafo e cinegrafista Gregory Colbert, que explora a interação entre humanos e animais. Narrado por Laurence Fishburne, apresenta uma fotografia belíssima e texto bastante poético. Todas as imagens não foram manipuladas por computador, sendo exatamente como viu o artista. Uma obra bem particular, que transmite muita PAZ, algo que está bastante escasso atualmente.

“Ashes and Snow” (Cinzas e neve), se tornou uma instalação composta de filmes e fotografias de enormes proporções, captados pelo fotógrafo durante 15 anos, em suas mais de 40 viagens a diversas regiões, como a Índia, a Namíbia, o Egito e a região de Bornéu, entre outros belos lugares.

A exposição já foi vista por mais de 10 milhões de pessoas, tornando-se a exposição de um artista vivo mais vista de todos os tempos.

“Os animais nunca impuseram barreiras aos homens, foram os humanos que inventaram essa distância. Ela é artificial. Os povos que visitei e fotografei têm uma linguagem corporal diferente da nossa. Eles interagem com os animais naturalmente. Nada disso foi ensaiado ou posado.”

“Quando criei “Cinzas e Neve”, em 1992, minha intenção foi explorar a relação entre homens e animais, de dentro para fora…”

“A Natureza é um poema, e nós, homens, com nossa arrogância, temos que parar de pensar que somos a parte mais importante dela – somos apenas uma sílaba.” Gregory Colbert


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

JAPÃO

FINAL FELIZ

POLUIÇÃO SONORA

MAUS-TRATOS

DEBILITADO

DECISÃO JUDICIAL

INSPIRAÇÃO

DENÚNCIA


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>