Grupos pedem que crocodilo de 6,4 metros seja solto nas Filipinas


Grupos de defesa dos animais querem que as autoridades filipinas soltem o crocodilo de 6,4 metros e 1.075 quilos, que foi capturado no dia 3 de setembro em Bunawan, nas Filipinas. O réptil  foi capturado e está sendo acusado, sem qualquer prova concreta, de ter matado dois moradores locais.

Grupos de defesa dos animais querem de 'Lolong'. (Foto: Jeoffrey Maitem/Getty Images)

Funcionários planejam transformá-lo em uma atração turística. “Lolong” foi colocado em uma jaula de 800 metros quadrados, com paredes de 1,22 metro de altura.

Foram necessárias 4 pessoas com as mãos esticadas para alcançar o tamanho do réptil. (Foto: Reuters)
Captura do crocodilo gigante atraiu centenas de curiosos. (Foto: Reuters)

Com informações do G1


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

ÓRFÃO

TRATAMENTO

PROTEÇÃO ANIMAL

CRUELDADE


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>