Gatinho que nasceu com duas cabeças tem pouca chance de sobreviver, no PI


Filhote nasceu com má formação (Foto: Reprodução)

Uma gata deu à luz um filhote com duas cabeças no município de São João do Piauí, 486 quilômetros ao sul de Teresina (PI). Segundo um veterinário, o animal tem poucas chances de sobreviver por conta da rara degeneração do feto.

O animal nasceu com apenas um corpo e duas cabeças unidas, cada uma com uma boca, um nariz e dois olhos. O gato foi achado na casa das senhoras Iraide e Angelita, na avenida Cândido Coelho, próximo ao distrito policial de São João. A tutora informou que a fêmea vivia na rua e deu cria pela primeira vez.

O veterinário Mauro Almeida da Silva foi ouvido pelo portal Sanjoanense e informou que a má formação do feto para esses casos pode ocorrer por fatores climáticos, químicos ou traumáticos. O especialista afirmou ter visto dois casos semelhantes, em um cachorro e um bezerro.

Fonte: Cidade Verde


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

HOLOCAUSTO

INSPIRAÇÃO

CONSCIENTIZAÇÃO

CONSCIENTIZAÇÃO

SOLIDARIEDADE


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>