Sensacionalismo infundado e absurdo

Matéria defendendo que gatos causam câncer às pessoas provoca indignação entre defensores

Por Lobo Pasolini (da Redação)

Foto: Reprodução/Portal Universidade

Uma matéria postada pelo Portal Universidade faz vergonha a essas instituições de ensino. Diz a manchete: “Cientistas afirmam que gatos podem causar câncer aos tutores.”

O leitor então é exposto a um monte de baboseiras sobre uma teoria descabida de um estudo em fase inicial que diz que os pequenos felinos passam um parasita às pessoas que pode causar câncer no cérebro. Ai que medo! Que oportunidade maravilhosa de chamar a atenção, o editor deve ter pensando, ao invés de priorizar informação robusta e comprovada ao público.

O paraíso em questão é o Toxoplasma gondii, que no caso da Inglaterra já se encontra no organismo de 34% dos britânicos. Agora, depois do alarde todo na manchete, vejam o que os dois últimos parágrafos dizem:

“Os estudos foram liderados por Frederic Thomas. O pesquisador afirma que os resultados não são suficientemente fortes para propor que o T. gondii aumenta os riscos de câncer no cérebro em humanos. O parasita já foi ligado a tumores em animais. Os pesquisadores reconhecem que pesquisas adicionais precisam ser feitas, antes de se afirmar que os gatos transmitem câncer aos humanos.”

Não é incrível isso? A própria matéria nega o que é dito na manchete, mas mesmo assim a pessoa que editou o texto resolveu seguir adiante com uma informação falsa e infelizmente a que fica na memória das pessoas já que muita gente somente lê a manchete. É de uma falta de ética e responsabilidade sem tamanho.

Eu consultei Karen Heath, da ONG Mama Cat Trust de Londres, já que a matéria se originou no Daily Mail, um jornal de imprensa marrom que os ingleses chamam de ‘imprensa tablóide’.

Disse Karen: “Essa história é do Daily Mail – o que mais podemos dizer? Mais uma história sem fundamento para espalhar medo. Toxoplasmose é extremamente rara e pode ser pega mais facilmente através da ingestão de carne. As pessoas que lavam suas mãos antes de comer jamais a pegariam.”

Pronto? Estamos claros? Agora vamos para as ruas resgatar algum gato que foi abandonado ou que sofreu maus-tratos por causa dessa estupidez.

15 COMENTÁRIOS

  1. Isso é um absurdo… é por causa de pessoas assim que o preconceito contra os pequenos felinos ainda existem, eu tenho gato desde que me entendo por gente e nem por isso tive, cancer, toxoplasmose e tais coisas que todos dizem que os gatinhos passam… estou cansada de tanta ignorância!!

  2. Eu tbm estou cansada de tanta ignorância! Não estamos precisando desse tipo de matéria irresponsável, que só fazem as pessoas agirem errado em relação aos animais.Deus por favor protege nossos bichinhos dessas línguas ferinas q só atrapalham o trabalho de tantas pessoas q vivem sofredo pra protege-los.

  3. O coitado do gato já é tão rejeitado por falta de informação, principalmente da toxiplasmose. É uma pena que em pleno século 21 ainda publiquem absurdos. Cade a informação?

  4. Ainda bem que não falaram na matéria dos gatos pretos e a sua relação com as bruxas! (ironic mode)
    Cada idiota tendo a responsabilidade de “desinformar” e confundir mais a cabeça das pessoas! E ainda num portal chamado “Universidade”. A minha vida toda viví com gatinhos, alguns viralatas e outros, de raça. Todos lindos, carinhosos, doces. Se formos pensam nas doenças que transmitem os bichanos, não fica nada em pé na face da Terra, começando pela gente. Abraços! Pena que no link do tal portal não há espaço para as respostas dos leitores.

  5. Em pleno século XXI as pessoas ainda criam superstições a respeito dos gatos.Que bobagem!É mais fácil a pessoa criar resistências às doenças ao conviver com os animais do que afastálos.Cientistas idiotas!Viva os felinos!

  6. QUEM FOI O DÉBIL MENTAL QUE DISSE ISSO?? DÉBIL MENTAL!!!!!!! CONHEÇO PESSOAS. AMARGAS Q NAO TEM ANIMAL, ESTAO CHEIAS D EPROBLEMAS DE SAÚDE;; AHH ME POUPE…. VAO SE FERRAR…
    esses cientistas sao tudo uns doebil mental

  7. Depois de saber que a talidomida foi exaustivamente testada em animais antes de ser colocada no mercado, e foi comercializada como droga segura, que os ratos de laboratório são curados de câncer como humanos de gripe, que os animais não contraem AIDS… enfim, existe um universo de fatos reais sistematicamente ignorados por pessoas dessa área, isso tudo são afirmações tão vazias e sem fundamento… quero mais é fazer cafuné nos meus gatos …

  8. Esses tipo de manchete é igual o ocorre com o inseto “barbeiro” que causa doença de chagas.(na verdade é o parasita que ele hospeda). È tipico de jornalista que não está familiarizado com a ciências e os artigos científicos.

    Mesmo que a matéria seja correta, os gatos transmitirem ou não toxoplasmose não significa negá-los um tratamento ético. Uma coisa não tem nada a ver com a outra, como sugeriu o final dessa matéria. Portanto, esse final parcial foi desnecessário.

  9. O problema de matérias como essa são as pessoas que já têm preconceito com os bichanos. Imagina agora pensando que isso é verdade? Matéria infeliz,deveriam mesmo estar preocupados em ajudar os animais do que difama-los.

  10. eu não sabia de nada disso, pois essa semana passou na tv o caso de uma criança de 10 anos muito doente que ficou naquele estado por causa da toxoplasmose. pois nem ao menos a assistência necessária a matéria conseguiu pra família, quanto mais o repórter explicar coisa nenhuma. ele disse no final “essa linda menina”. claro que dá pra saber que ele quis elogiar, mas não achei cabível naquela situação, pois realmente era gravissima. e essa matéria feita pelo correspondente internacional do Anda trouxe pelo menos pra mim informação nova. não entendo se realmente as 10 pessoas acima realmente já sabiam disso.
    foi muito esclarecedor. no filme et, tem uma cena quando o menino acha o et no dia seguinte na margem de um riacho, todo doentinho, e tinha uma ratazna mordendo ele. pois o menino não conversou duas vezes, e na mesma hora foi pegar o et nos braços. essa cena foi cortada do filme nas repassagens, mas consta do original sim. pois eu acho que é a mesma coisa. acho que foi isso que o reporter nos trouxe. de não deixar de ajudar um bicho condenando ele por estar ou não doente. não sei se o et era tipo gente de outro planeta, mas mesmo que no planeta dele ele fosse considerado gente, ele era indefeso feito os animais na terra, feito o alf também,que é tipo um cachorro, apesar dele falar. ótima matéria. alias, de altíssimo nível.

  11. concordo que a pesquisa é podre e sem nexo. mas dizer que o daily mail é 1 jornal tendencioso e mentiroso como falam também não é verdade.

  12. Também achei um absurdo. Mais um motivo descabido para que as pessoas continuem com o preconceito de criar um gato …como se não bastasse a divulgação errônea de outra infinidade de doenças que estas criaturas adoráveis podem transmitir …. Cuide bem do seu gato, vacine-o e você terá de volta amor, carinho, companheirismo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui