Aves ficam feridas por conta do cerol usado em pipas em Jundiaí (SP)


A coruja perdeu uma das asas e não poderá mais viver na natureza (Foto: Reprodução/TV TEM)

A ONG Mata Ciliar de Jundiaí (SP) recebeu nesta segunda-feira (25) mais duas aves machucadas, uma coruja buraqueira e um quero-quero, devido ao uso do cerol nas linhas das pipas.

Segundo a médica veterinária e coordenadora da ONG, Cristina Harumi Adania, somente nesse ano foram antendidas na instituição dez aves na mesma situação.

“Sempre fazemos uma campanha de educação ambiental para que as pessoas não utilizem o cerol, ainda mais nessa época de férias”, afirma a médica veterinária.

A coruja buraqueira perdeu uma das asas devido aos graves ferimentos. Segundo a coordenadora, essa ave não poderá mais voltar a natureza. “Ela ficou comprometida, ela não usa a asa só para o voo, mas também para a caça e defesa”, ressalta. Ao todo na Mata Ciliar 30 aves estão sendo recuperadas.

A recomendação da ONG Mata Ciliar para quem encontrar uma ave nessa situação é entregar o animal a Guarda Muncipal ou a Polícia Ambiental.

Fonte: Rede BOM DIA


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

RECIFE (PE)

RIO DE JANEIRO

MAUS-TRATOS

EMPREENDEDORISMO

AÇÃO HUMANA

CONSCIENTIZAÇÃO

ABUSO

ÓRFÃO


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>