Projeto propõe obrigatoriedade do cadastro de animais domésticos


Programa quer evitar o abandono de animais

Foto: Reprodução/Jornale

Projeto em apreciação na Câmara de Curitiba (PR) prevê a obrigatoriedade do cadastramento de animais domésticos através do Registro Geral de Animais. A proposta, da vereadora Julieta Reis (DEM), é que o cadastro possa ser feito também em estabelecimentos veterinários, lojas que comercializam produtos para animais ou entidades protetoras credenciadas e supervisionadas por órgão competente da prefeitura.

Ao defender sua iniciativa, a vereadora argumenta que “o abandono de animais domésticos tem proporções incontroláveis, renovando as populações de animais soltos nas ruas da cidade. E com esse programa será possível eliminar o problema”.

Julieta explica que a identificação eletrônica é um dos meios usados há 15 anos no continente europeu para diminuir a perda ou sequestro de cães e gatos. “Na Europa, o animal recebe um microchip sob a pele com número de identificação único no mundo registrado numa base de dados com o seu contato”, explica a parlamentar, lembrando que a entidade responsável em Portugal é o Sindicato Nacional dos Médicos Veterinários.

Ao apontar as vantagens do programa, Julieta Reis cita a facilidade de identificação do tutor caso o animal se perca; identificação inequívoca do animal em caso de roubo; permite a contagem do número de cães no país (quando for obrigatório) e o tutor será responsabilizado se abandonar o animal.

“Por todos esses motivos, entendemos que o cadastro geral de animais beneficiará toda a população e trará ao município o melhor controle da situação. Será possível também ter maior controle dos animais domésticos e evitar o grande número de abandono e punir aquele que abandonar o animal”, conclui.

Fonte: Jornale


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

CONSERVAÇÃO

MUDANÇAS CLIMÁTICAS

MAUS-TRATOS

HABITATS DESTRUÍDOS

OMISSÃO

ECONOMIA CIRCULAR

DEDICAÇÃO

TECONOLOGIA


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>