Filhote órfão de galago adota bebê babuíno como mãe no Quênia


Filhote de galago (esquerda) adotou babuíno fêmea como mãe no orfanato animal de Nairóbi, no Quênia (Foto: Thomas Mukoya/Reuters)

Uma galago, espécie de pequeno macaco da África, órfão de três meses adotou como mãe uma fêmea de babuíno (papio cynocephalus) de apenas sete meses no Orfanato Animal de Nairóbi, no Quênia.

O filhote de galago tem três meses de idade, enquanto a filhote de babuíno tem sete meses (Foto: Thomas Mukoya/Reuters)

A babuína, que também se desprendeu dos pais,  foi resgatada da selva em Maralal, no norte do país, enquanto o pequeno primata galago veio de Nyeri, na região central. Os dois animais não se desgrudam e caminham juntos por todas as direções no Serviço da Vida Selvagem do Quênia, onde fica o orfanato.

Fonte: G1


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

CONSCIENTIZAÇÃO

CONSCIENTIZAÇÃO

SOLIDARIEDADE

NOVOS LARES

RIO CLARO (SP)


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>