Conheça a indústria de maus-tratos aos animais nos bastidores do cinema


Por Antoniana Ottoni  (da Redação)
Próximo filme interpretado pelo elefante que foi filmado recebendo eletro choque durante treinamento será Guarda de Zoológico (“Zookeeper”) com Kevin James
Foto: Divulgação

As revelações feitas pela Animal Defenders International (ADI) mostraram que o elefante que fez parte das filmagens junto com Reese Witherspoon e Robert Pattinson, em “Água para elefantes” recebeu eletrochoques durante as sessões de treinamento, este fato tem levantado uma questão – não estão os animais pagando um preço muito alto para nos divertir?

Assista ao vídeo aqui

Quando Tai, a elefanta, chorou, a mesma estava recebendo eletro choques, isto se distanciou e muito do glamour das premières do cinema. O uso de animais em circo tem sido banido ao redor de todo o mundo, e o uso de animais fazendo performances em filmes e comerciais de TV também tem sido questionado.

A maioria dos frequentadores já não está mais no cinema no momento que aparecem os créditos para Tai no filme “Água para elefantes”, mas ela já está aparecendo em um trailer na internet para um novo filme “Guarda de Zoológico” (Zookeeper) com Kevin James e com as vozes de Adam Sandler, Sylvester Stallone e Cher com o lançamento marcado para este verão.

Assista ao trailer aqui

Tai já apareceu em propagandas de TV e vídeos com Britney Spears, Ellen Degeneres, Jim Carey, Steve Carrel e Morgan Freeman. Jan Creamer, chefe executiva da Animal Defenders International diz: “Quando esses animais chegam no lugar das filmagens já estão treinados e prontos para obedecer aos comandos, eu penso que os atores e produtores querem acreditar que estes animais são treinados com amor e gentileza. Eles gostam de afagar os animais, eles vêem os treinadores alisando e sorrindo para os animais, e quando dizem a eles que tudo acontece por meio de reforço positivo, é a natureza humana que quer acreditar. Mas a realidade, como mostraram as filmagens dentro da companhia Have Trunk Will Travel são bem diferentes. É muito similar com a situação dos animais de circo. A maneira como estes animais são treinados e o que o público tem acesso é muito diferente”.

Aparições de elefantes da companhia Have Trunk Will Travel, incluindo a elefanta Tai:

• Água para elefantes (Water For Elephants)

• Evan Almighty

• Vanity Fair

• Larger Than Life

• Jungle Book

• George of the Jungle

• Ace Ventura quando a natureza chama (Ace Ventura When Nature Calls)

• Operação Dumbo Drop

• Guarda de Zoológico (Zookeeper”, due Summer 2011)

• Artista inglês – Banksy- pintou Tai para uma instalação em Los Angeles.

• Video Musical Britney Spears – “Circus”

• Hewlett Packard – Comercial de TV

• Comercial de TV da Visa

• Comercial de TV da Oreo Cookies

• Comercial de TV daAmerican Express com Ellen Degeneres

Animal Defenders International enfatiza que é hora de Hollywood contribuir com o banimento do sofrimento animal na indústria cinematográfica.

Jan Creamer acrescenta: “Alguns desses animais possuem uma experiência cinematográfica que já lhes dariam o direito de viver como verdadeiras estrelas de Hollywood e usufruir de uma ótima vida, mas esta não é a realidade. A ADI tem filmado nos últimos anos os animais em treinamento para filmes e comerciais e a verdade sobre a vida desses animais e aterrorizante; leões sendo espancados, chimpanzés sendo chutados, elefantes recebendo choques elétricos. Os frequentadores de filmes, atores e produtores ficariam chocados com esta realidade. É hora de banir o sofrimento desses animais. Produtores precisam começar a se perguntar se é realmente necessário usar animais que vivem de forma miserável em suas produções”.

Mesmo com o uso de técnicas modernas, quando os animais são usados, eles ainda são treinados para se mover de uma posição para outra, e quando são animais selvagens, especialmente animais perigosos como elefantes, este treinamento pode envolver altos níveis de coerção.


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

CONSCIENTIZAÇÃO

SOLIDARIEDADE

NOVOS LARES

RIO CLARO (SP)

EXTINÇÃO


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>