Tutor de gato perdido em Brasília diz que volta para Campinas na segunda


Ele afirma que vai pedir que a Gol continue a busca na ausência dele.
Esposa deveria chegar na noite desta sexta para ajudar na procura.

Gato Esquilo em foto do tutor, Maicon Fari. (Foto: Arquivo pessoal/ Divulgação)

O pesquisador Maicon Saul Faria, que está no aeroporto de Brasília desde segunda (25) em busca do gato de estimação, afirmou que volta a Campinas nesta segunda (2) mesmo se não encontrar o animal, chamado Esquilo.

O gato fugiu no momento em que funcionários transferiam de aeronave as bagagens na pista do aeroporto. Faria retornava para Campinas depois de férias em Palmas, no Tocantins, com conexão em Brasília.

Faria diz que vai negociar com a empresa aérea para que a procura pelo gato continue. “Como eu não vou estar aqui, a Gol precisa se comprometer com a busca do animal”, disse.

Segundo a Gol, a procura será intensificada durante o final de semana. A empresa contará com a ajuda de um grupo de escoteiros para distribuir panfletos.

Na noite desta sexta (29), a esposa do pesquisador deveria chegar a Brasília para ajudá-lo na busca. “São duas vozes que ele conhece chamando”, explica Faria.
Eles vão procurar Esquilo em áreas restritas próximas ao aeroporto na noite desta sexta. E, além da ajuda na busca, Faria explica que a esposa vai dar “apoio moral”. “É uma situação ruim de ficar sozinho”, disse.

Fonte: G1

Leia mais:

Tutor procura por gato perdido em aeroporto de Brasília

Tutor de gato desaparecido em aeroporto de Brasília diz que falta segurança no transporte de animais


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

SEGUNDA CHANCE

MAUS-TRATOS

CENSURA

DESPERTAR

PROTEÇÃO

HOLOCAUSTO


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>