Operário desce túnel de 11 metros de profundidade para resgatar cadela no PR


Um grupo de operários de uma linha de trem em Maringá, no Norte do Paraná, resgatou uma cadela que estava há 12 horas presa em um buraco de terra de 11 metros de profundidade, na manhã desta quarta-feira (27).

Na noite de terça-feira (26), os vizinhos da obra ouviram latidos que vinham do meio da terra e chamaram o Corpo de Bombeiros, que não foi atender a ocorrência. Quando os trabalhadores chagaram no canteiro, nesta quarta, se comoveram e montaram uma ‘operação de resgate’.

Um dos operários desceu os 11 metros do túnel e ficou 15 minutos lá embaixo até subir com a cadela, chamada Djulia, no colo.

Segundo os trabalhadores da linha de trem, a cadela sempre aparece na obra e normalmente no horário de almoço deles e depois vai embora.

Veja o vídeo do resgate.

Fonte: G1

Nota da Redação: Ao contrário do Corpo de Bombeiro de Maringá, que se recusou a atender o chamado para resgatar a  cachorrinha, operários sem qualquer treinamento, apenas com a vontade de ajudar, não titubearam e se uniram para salvar a vida da cadelinha. Linda atitude. Graças à compaixão desses homem, Djulia voltou para casa. Que este ato heroico sirva de exemplo para os soldados do Corpo de Bombeiros de Maringá.


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

SOB INVESTIGAÇÃO

AGRESSÃO BRUTAL

INSTINTO

VIDA NA RUA

RESPEITO E AFETO

FINAL FELIZ

TRISTEZA


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>