Santuário criado no Vietnã protegerá um dos mamíferos mais raros do mundo


Santuário do saola situa-se em Annamite, Vietnã (Foto: Reprodução/Ciência Hoje)

No Vietnã vai ser estabelecida uma ampla reserva natural para proteger o antílope saola, considerado o mamífero mais raro do mundo. O anúncio foi feito pelas autoridades locais junto a uma organização não governamental.

O santuário vai situar-se na região montanhosa de Annamite, perto da fronteira com o Laos, onde habitam os 500 exemplares ainda existentes da espécie, informou o Departamento de Conservação da província vietnamita de Quang Nam.

O saola (Pseudoryx nghetinhensis) é um animal que não consegue sobreviver muito tempo em cativeiro. Todos os animais dessa espécie que foram confinados em zoológicos morreram, não tendo sido a causa da morte determinada.

Este animal figura na lista de animais em perigo crítico de extinção da União Internacional para a Conservação da Natureza. A caça e a perda de habitat devido ao desmatamento e à destruição das florestas são as causas principais da redução acentuada das populações de saola nos últimos anos.

Além da proteção do saola, pretende-se também com a criação do santuário proteger a biodiversidade de Annamite, onde, recentemente foram encontrados tigres, bisontes e outras espécies que se pensava já não existirem na região.

Fonte: Ciência Hoje


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

AMOR

VIDA NOVA

RIO DE JANEIRO

ALTERNATIVA VEGANA

GENEROSIDADE

REABILITAÇÃO

EMPATIA


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>