Polícia apreende 100 aves mantidas em um galpão em Embu das Artes (SP)


Policiais civis da Delegacia de Investigações do Meio Ambiente apreenderam cerca de cem pássaros da fauna silvestre,  na última quarta-feira (30), na rua Água Branca, Jardim Santa Teresa, em Embu (SP). Algumas das aves eram mantidas em um galpão sob condições de maus-tratos há aproximadamente três anos.

Após receberam uma denúncia pela Linha Verde do Ibama, os policiais foram até o local. Quando chegaram, encontraram os pássaros da fauna silvestre maltratados. Eles estavam dentro de um galpão que aparentava funcionar como comércio.

Segundo a companheira do suspeito de manter as aves no local, toda vez que o homem retornava do trabalho, trazia um pássaro para abrigar no local. Ela contou à polícia que as aves não eram comercializadas, mas pediu várias vezes ao companheiro para que ele se desfizesse dos animais, porém, ele dizia que gostava de mantê-los no galpão.

A proprietária da residência, uma bióloga de 36 anos, foi solicitada a comparecer ao local após ter entregue as chaves e autorizado a entrada dos policiais no quarto do autor. Ela verificou que as aves apresentavam sinais de estresse do cativeiro e, por isso, estavam se autoflagelando. Três espécies ameaçadas de extinção foram encontradas, curripião, azulão e pixoxo.

A bióloga disse ainda que o local é pequeno, fechado, escuro e sem ventilação. Muitos pássaros estavam amontoados em gaiolas espalhadas pelas paredes e pelo chão.

O caso foi registrado na Delegacia de Investigações do Meio Ambiente como praticar ato de abuso a animais. A Vigilância Sanitária e a Polícia Militar foram comunicadas. Os pássaros foram identificados e encaminhados ao Parque Ecológico Tietê e o autor foi intimado a depor. A Polícia civil investiga o caso.

Fonte: O Taboanense


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

SUSTENTABILIDADE

NEGLIGÊNCIA

SOFRIMENTO

PORTO ALEGRE (RS)

INSENSIBILIDADE

GOIÂNIA (GO)

MÉXICO

ACIDENTE

AMOR


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>