Exploração e estresse

Escola de samba 'Tom Maior' quer levar jaguatirica para desfile em SP

Uma jaguatirica estará no Sambódromo do Anhembi no carnaval deste ano. Ela será levada pela Escola Tom Maior. A agremiação pretende usar ainda um segundo animal - uma suçuarana ou...

39

17/02/2011 às 11:28
Por Redação

Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.


Para veterinários, exposição de animais é “absurda”

Segundo veterinário, os animais podem morrer de estresse. (Foto: Tiago Queiroz/AE)

Uma jaguatirica estará no Sambódromo do Anhembi, em São Paulo, no carnaval deste ano. Ela será levada pela Escola Tom Maior. A agremiação pretende submeter ao estresse, ainda, um segundo animal – uma suçuarana ou um lagarto.

Veterinários e defensores dos animais consideram a exposição dos animais “absurda” e dizem que eles podem até morrer por estresse.

A Tom Maior, que vai homenagear a cidade paulista de São Bernardo do Campo e pretende ainda trazer o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, alegou querer transmitir uma mensagem de “preservação” por meio do que eles consideram como uma “brincadeira”: “queremos fazer uma brincadeira e passar essa mensagem”, disse o presidente da agremiação, Marko Antonio da Silva.

Ainda não está claro se os animais vão ou não desfilar. Silva deu duas versões à reportagem sobre a atuação dos animais. No domingo, garantiu que eles desfilariam. Ontem, o presidente afirmou que os animais não entrarão na avenida. “Eles vão ficar em jaulas com rodinhas e vão até a concentração.” A ideia é que os animais fiquem antes da comissão de frente. Assim que o desfile começar, as jaulas seriam levadas para outro ponto da concentração.

Silva ainda garantiu que não vai pedir autorização ao Ibama, apesar de ela ser obrigatória. “A ideia é não falar, porque eles não vão autorizar e vão estragar nosso feito.”

Segundo o Ibama, a Tom Maior precisa de autorização do órgão para o transporte dos animais ao sambódromo e eles devem viver em criadouro registrado no instituto.

Para o advogado ambientalista Carlos Cipro, a presença dos animais é “estresse injustificável”. Segundo ele, ficam caracterizados abuso e maus-tratos pela Lei de Crimes Ambientais. Ainda existe uma lei municipal que proíbe a exposição.

A São Paulo Turismo (SPTuris), responsável pela organização do carnaval paulistano, diz que o caso deve ser analisado pela Liga das Escolas de Samba. Já o regulamento do carnaval é omisso em relação ao caso.

Canal de contato

No site da agremiação há uma canal de contato (Fale conosco). Manifeste-se contra essa prática criminosa e cruel de submeter animais a condições absolutamente estressantes: http://www.grestommaior.com.br/

Para lembrar

Urubus saíram da Bienal

No ano passado, três urubus faziam parte da obra ‘Bandeira Branca’, de Nuno Ramos, exposta na 29.ª Bienal de São Paulo. Ativistas protestaram em defesa dos animais e o “artista”, que dizia ter autorização, dias depois foi obrigado pela Justiça a devolver os animais para o Parque dos Falcões (SE).

Com informações do Estadão 

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.