Polícia vai apurar caso das capivaras em Campinas (SP)


A delegada da Delegacia de Proteção aos Animais, Rosana Mortari, instaurou ontem um termo circunstanciado para apurar possíveis maus-tratos contra as capivaras confinadas no Lago do Café desde 2008.

A delegada ouviu ontem várias pessoas ligadas às entidades protetoras de animais. Os depoimentos foram tomados após a Secretaria de Saúde de Campinas ter anunciado na semana passada que iria abater os roedores, após ter autorização do Ibama.

A decisão, porém, foi suspensa pelo prefeito Hélio de Oliveira Santos (PDT). A Saúde, no entanto, continua defendendo a alternativa do sacríficio.

A discussão será debatida ainda hoje na Câmara com as entidades protetoras dos animais.

Fonte: Metro Campinas


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

ASSASSINATO BRUTAL

EXEMPLO

AGROPECUÁRIA

POVOS ORIGINÁRIOS

FINAL FELIZ

DOR E SOFRIMENTO

DESUMANIDADE

AGRESSÃO BRUTAL


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>