Secretarias se reúnem para discutir o caso das capivaras


O secretário de Saúde de Campinas, Francisco Kerr Saraiva, se reuniu no fim da tarde desta segunda-feira (14/02) com representantes das Secretarias de Meio Ambiente, Serviços Públicos e Saúde para apresentar um parecer que determina o abate das capivaras confinadas no Lago do Café, em Campinas (SP).
Foto: Rogério Capela/AAN

Após o protesto de ambientalistas e de representantes do Conselho Municipal de Defesa dos Animais de Campinas, a eutanásia foi suspensa. O prefeito Hélio de Oliveira Santos disse no último sábado (13/02), através de seu twitter, que eutanásia dos animais não iria acontecer.

O Instituto Brasileiro de Meio Ambiente e dos Recursos Naturais (Ibama) não autoriza o manejo das capivaras do Lago do Café. Segundo o Ibama, a medida iria transferir o risco de contágil para um outro local, pois os animais estão com a bactéria da febre maculosa. A única alternativa, portanto, para que outras vidas humanas fossem poupadas, é a eutanásia destes que são os maiores roedores do mundo.

Durante a reunião desta segunda-feira (14), Francisco Kerr Saraiva mostrou os documentos acumulados pela Secretaria de Saúde nos últimos dois anos para basear o argumento de que o abate deve ser feito.  ‘Eu louvo a atitude do prefeito Hélio em tentar salvar as capivaras. Mas este é um problema de saúde pública e que deve ser tratado como tal’, disse ele, referindo-se a suspensão da medida.

Nada foi decidido na reunião; as discussões sobre o assunto devem continuar. O Lago do Café, em Campinas, permanece fechado para a visitação pública.

Com informações de RAC


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

ABERRAÇÃO LEGISLATIVA

EXEMPLO

CICLOVIA RIO PINHEIROS

ESTRESSE

RESILIÊNCIA

BRECHAS LEGAIS

DENÚNCIA


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>